Naruto Survival 4.0



 
CalendárioInícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Últimos assuntos
» Campo Rochoso
por Kazumii Hoje à(s) 06:05

» Criações de Kazumi
por Kazumii Hoje à(s) 05:51

» Planícies e Florestas
por Kon Reeves Hoje à(s) 05:29

» [Criações] Aburame Bell
por 'Bell Hoje à(s) 01:29

» Pedido de Narrador/Avaliador
por 'Bell Hoje à(s) 01:24

» Fronteiras do País das Fontes Termais
por Kai Ontem à(s) 23:38

» Segundo Campo de Treinamento
por Juxé Ontem à(s) 22:24

» Loja de Jutsus
por Juxé Ontem à(s) 22:18

» Hospital de Konoha
por Bluesday Ontem à(s) 22:02

Acesso Rápido
Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 39 em 2/10/2016, 21:50
Calendário do RPG
Primavera

Estação: Primavera
Ano: X020
Procurados
Parceiros
http://pt-br.naruto.wikia.com/wiki/Wiki_Naruto
RPG - Hogwarts SchoolFórum grátisShinki RPGPokéMytushttp://www.heroisdoolimporpg.com/Pokémon Agenda RPGhttp://poke-mythical.forumeiros.com/http://narutorpgakatsuki.com.br/

Nosso Banner









Tópicos similares

Compartilhe | 
 

 Planícies do Norte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
AutorMensagem
Survivalavatar
Exibir perfil



Mensagens : 5633
Data de inscrição : 06/12/2014
Localização : Naruto Survival

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
0/0  (0/0)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Planícies do Norte   3/7/2016, 21:05

Relembrando a primeira mensagem :




Planícies do Norte

A região nortenha demarca o ponto mais longínquo da Aldeia da Nuvem, destacada por dar acesso entre o Mar Dourado e o Mar da Nuvem, e também servir de ligação entre o País do Trovão para com o País da Primavera. Suas planícies outrora são cortadas por camadas de terra e grama, formando degraus e fendas que fornecem passagens naturais à visitantes.

Num campo mais aberto, cercado pelas mesmas elevações sobre-salientes, encontra-se uma cabana simples que abriga um comerciante de iguarias nortenhas e que também é possuidor de um grande conhecimento nas áreas do Genjutsu. Batoi é conhecido por suas técnicas de destruição mental e por treinar aqueles que possuem interesse em se voltar exclusivamente para as artes ilusórias.

Mestre de treinamento:
Citação :

Nome: Comerciante Batoi
Especialização: Genjutsu (Jutsu);
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto-survival.forumeiros.com

AutorMensagem
Yuri Ha Jahadavatar
Exibir perfil



Mestre do Ninjutsu Mestre do Taijutsu Mestre do Dōjutsu Mestre do Senjutsu Kumo | Genin
Mensagens : 857
Data de inscrição : 07/05/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
620/1200  (620/1200)
Reputação Reputação: 31 - Purista
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/7/2016, 08:11



Servir o Próximo


D

e facto, os meus ataques estavam a demonstrar-se não-efectivos contra os meus adversários. Claramente não exibiam características consideradas humanas, defendendo-se de forma extremamente hábil dos meus ataques e tomando os meus poderosos golpes básicos com apenas alguns danos. Na realidade, pedaços do adversário que golpei começaram a cair dele, o que realmente era estranho. Na realidade, ao bater nele, reparei que era bem mais duro do que um corpo humano normal e, olhando melhor para estes vultos, procuraria analisar a sua força vital para ver se eram criaturas vivas.

No entanto, já estes vultos me atacavam. Um deles tentaria agarrar-me por trás mas, sentido o seu contacto físico, troquei de posição com o tronco que tinha preparado anteriormente, aparecendo agora num lugar completamente distinto e afastado dos vultos. COm meu Doujutsu, analisaria os vultos com atenção, para decifrar as suas características e ver que segredos ocultavam, bem como possíveis fraquezas.

Depois de os analisar, toco novamente noutro tronco, preparando um novo Kawarimi, antes de partir novamente para a ofensiva. Em corrida, aproximo-me dos meus alvos a alta velocidade. A metade do caminho, carregava o dorso da minha mão e lançava novamente o meu Jutsu de Onda Escarlate Cortante, que se movia e expandia à medida que se aproximava dos meus alvos visando cortar os 3 ao meio horizontalmente, dada a expansão da onda à medida que progride.

Bem-sucedido este ataque ou não, continuava a aproximar-me até começar a ficar bem perto dos 3 novamente. Carregando chakra escarlate no meu punho, socava o chão com força tremenda, causando uma explusão esférica de chakra vermelho que se expandia em todas as direcções com extrema violência, visando atingir os meus alvos e causar-lhes danos consideráveis.

Ficaria na mesma posição à espera de novos acontecimentos.



Considerações:
- Todas as Acções são Tentativas;
- Todos os movimentos realizados na velocidade máxima da personagem;
- Akagan tem visão penetrante num raio de 800 metros, visão analítica e detecção de chakra, fluxo de chakra e força vital;
- Eu sei que é uma merda, no sentido que fica com menos piada o trabalho do narrador, mas este Doujutsu é mesmo assim não dá para sofrer surpresas ahahah. Senão não valia a pena estar com ele activado e a gastar chakra, não é? Devido à detecção da força vital posso saber se são criaturas com vida ou não e posso saber se estão a lançar um Genjutsu em mim ou não;
- Kawarimi Preparado com um novo tronco, diferente do primeiro, no qual toquei antes de iniciar minhas novas acções;
- Gasto de Kawarimi apenas descontado no momento do uso.



STATUS:
HP: 200/200
CH: 1207/2200 (-517)
ST: 1777/1800
SNS: 2000/2000


Missão:
 
Equipamentos:
 
Jutsus:
 



Missão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ace Uchihaavatar
Exibir perfil



Comportamento Exemplar Avaliações/Atualizações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Genjutsu Konoha | Genin
Mensagens : 1634
Data de inscrição : 10/06/2016
Idade : 23

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
760/1050  (760/1050)
Reputação Reputação: +1
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/7/2016, 09:53

Yuri rapidamente trocaria de lugar como o seu kawarimi para evitar ser agarrada mas não qual ao de longe ela teria raparado que os vultos não estariam nem um pouco interessados em lutar com ela muito menos ir a sua procura, então eles começariam a caminhar em direção ao corpo de Myuu como se o encontro e luta com a Yuri nunca tivesse acontecido.
Foi então que Yuri lançaria mas uma onda cortante mas desta vez ela expandio-se mas teria acertado apenas num deles que teria sido cordado ao meio, e assim que o corpo cai a capa preta revelaria a face e o resto do corpo por causa do ataque, revelando uma marioneta, mas esta não seria uma marioneta qualquer Yuri teria notado que os detalhes dela seriam bastantes realistas.
Em seguida Yuri socaria o chão causando uma onda esférica de chakra escarlate na qual as marionetas estendiam as suas mãos e criariam uma espécie de escudo de chakra em conjunto que ao bater com o chakra de Yuri o tamanho poder de ambos os chakrar causaria uma explosão anulando um ao outro.
A marioneta cortada ficou sem se mexer mais como se aquela onda o estivesse de alguma forma afetado ele de outra maneira.
Os outros dois olharia em direção de Yuri e revelando as suas fases de madeira eles abriria a boca revelando um tubo na qual um deles lançaria uma bola de fogo e o outro usaria uma rachada de vento como apoio, aumentando assim a rapidez e eficácia fogo e queimaria o sitio todo ate em direção a Yuri esperando que estivessem acertado e depois paravam deixando o sitio arder.
Apos o ataque eles ficariam a assistir as chamas a arder e o fogo a alastrar se, o chão estaria todo destruído resultado do ataque da Yuri e da colisão de chakras.
Por fim um deles pegaria no corpo da Jovem Myuu e sairia voando dali deixando para tras apenas o restante para lidar com Yuri.
O que terá acontecido a Yuri?

NPCs:
 

Notas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Yuri Ha Jahadavatar
Exibir perfil



Mestre do Ninjutsu Mestre do Taijutsu Mestre do Dōjutsu Mestre do Senjutsu Kumo | Genin
Mensagens : 857
Data de inscrição : 07/05/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
620/1200  (620/1200)
Reputação Reputação: 31 - Purista
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/7/2016, 14:43



Servir o Próximo


M

ais uma vez, os meus ataques não foram efectivos para tratar dos meus adversários que, pelo que posso ver, são marionetas controladas por um indivíduo desconhecido. Uma delas ficou cortada a meio mas, as restantes, pareciam inafectadas pelos meus ataques. Depois de se protegerem com um escudo de chakra criado pelos seus braços mecanisados, detectei com o meu Akagan que começavam agora a preparar-se para executar um ataque, usando um lança-chamas e uma máquina de pressão de ar para me atacar. Carregando um pouco do meu chakra vermelho na mão, gritei o comando necessário para criar um escudo de chakra à minha frente:

Yuri:
- Mamorimasu, Benihime!

O escudo forma-se à frente da palma da minha mão esquerda, colocando este na minha frente a tentar bloquear as chamas criadas pela combinação das marionetas. No fim deste ataque, consigo ver com o meu Akagan que uma das marionetas tentava agora fugir com o corpo da garota, deixando as outras uma e meia para tratar de mim.

Caso tenha conseguido proteger-me do ataque anterior, tentaria correr na direcção dos alvos que sobravam com o escudo ainda à minha frente, imitanto o Estilo Romano de combate, com um escudo grande poligonal e uma espada, neste caso uma das minhas Chō Biburāto Raitontō, para combater. Segui correndo na direcção da marionete intacta que ficou para me combater com o escudo à minha frente e tento dar-lhe um golpe forte com o escudo, para a desnortear. Feito isto, fazia um combo logo de seguida, carregando chakra escarlate na minha espada e fazendo um golpe oblíquo, de cima para baixo e da direita para a esquerda, libertando à queima roupa a minha onda de chakra escarlate, visando danificar seriamente o corpo da marioneta e usando de seguida o escudo para tentar proteger o meu corpo caso esta explodisse.

Bem sucedida ou não, logo tentaria me aproximar da marionete quebrada ao meio e tentava cortar os fios de chakra que ainda a controlava, fios esses que eu conseguia agora ver, usando a minha espada carregada com chakra. Bem sucedida ou não, continuaria em perseguição na direcção da outra marioneta, correndo com o escudo à minha frente para me proteger de ataques.


Considerações:
- Todas as Acções são Tentativas;
- Todos os movimentos realizados na velocidade máxima da personagem;
- Akagan tem visão penetrante num raio de 800 metros, visão analítica e detecção de chakra, fluxo de chakra e força vital;
- Desconto de 20 de Chakra por uso de uma Arma de Condução de Chakra;
- Kawarimi Preparado com um novo tronco, diferente do primeiro, no qual toquei antes de iniciar minhas novas acções;
- Gasto de Kawarimi apenas descontado no momento do uso.



STATUS:
HP: 200/200
CH: 700/2200 (-507)
ST: 1777/1800
SNS: 2000/2000


Missão:
 
Equipamentos:
 
Jutsus:
 



Missão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ace Uchihaavatar
Exibir perfil



Comportamento Exemplar Avaliações/Atualizações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Genjutsu Konoha | Genin
Mensagens : 1634
Data de inscrição : 10/06/2016
Idade : 23

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
760/1050  (760/1050)
Reputação Reputação: +1
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/7/2016, 15:54

Yuri teria conseguido se defender do ataque combinado e contra atacar, apos ter conseguido perceber o mistério por tras dos misteriosos indivíduos se tornou fácil o contra ataque na qual deixou eles no chao cortados e destruídos pelos ataques da Yuri em seguida a jovem Monge teria conseguido ver as cordas de chakra e cortar elas impedindo futuros ataques.
Yuri iria atras da ultima marioneta e assim que chega encontra um Homem alto com o corpo da Myuu aos pes na qual ele falaria.
-Tu pareces ser forte, conseguiste derrotar as minhas marionetas e contra atacar tao facilmente, entendo esses olhos, pois bem tu serás adicionada na minha coleção seras a primeira com KG a ser adicionada na minha coleçao.
Em seguida ele moveria um dedo na qual a outra marioneta mostraria no seu braço esquerdo uma lamina rotativa e iria em sua direção com intençao de dar um golpe horizontal.

NPCs:
 

Marioneta Arma:
 

Nota:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Yuri Ha Jahadavatar
Exibir perfil



Mestre do Ninjutsu Mestre do Taijutsu Mestre do Dōjutsu Mestre do Senjutsu Kumo | Genin
Mensagens : 857
Data de inscrição : 07/05/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
620/1200  (620/1200)
Reputação Reputação: 31 - Purista
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/7/2016, 16:43



Servir o Próximo


U

sando o meu escudo de chakra, escudo esse que ainda não ordenei dissipar-se, tento bloquear o ataque do adversário colocando o escudo entre mim e a marioneta, visando assim bloquear a trajectória do seu ataque. No entanto, não me limito a fazer isto. Usando uma técnica diferente mas na mesma mão, crio um segundo escudo, escudo esse que também serve para atacar. Este escudo é projectado a partir da minha mão com extrema violência, empurrando o outro escudo que ainda tinha formado 5 metros para a frente com extrema violência, visando assim talvez danificar a marioneta e, se não fosse possível danificar, pelo menos afastar de mim.

De seguida, na minha velocidade máxima, correria na direcção do adversário real, ostentando ainda a minha espada a conduzir chakra na minha mão. Saco de uma segunda espada, conduzindo chakra também a partir desta, e realizo uma sucessão de ataques furiosos, visando cortar o meu inimigo. Quando chego perto o suficiente, tento cortar a sua cabeça no mesmo movimento com o qual faço o saque da minha esapda com a mão esquerda e conduzo chakra através dela. De seguida, tentava dar um forte pontapé com a perna direita no joelho esquerdo deste, visando quebrá-lo com a força e com o atingimento explosivo de um ponto de acumulação. De seguida, tentaria estocar o meu adversário duas vezes com a mão direita em rápida sucessão, na região esquerda do peito (coração e pulmões) e, logo de seguida, tentava espetar a espada na cabeça dele, do queixo para cima, com a mão esquerda.


Considerações:
- Todas as Acções são Tentativas;
- Todos os movimentos realizados na velocidade máxima da personagem;
- Akagan tem visão penetrante num raio de 800 metros, visão analítica e detecção de chakra, fluxo de chakra e força vital;
- Desconto de 20 de Chakra por uso de uma Arma de Condução de Chakra;
- Kawarimi Preparado com um novo tronco, diferente do primeiro, no qual toquei antes de iniciar minhas novas acções;
- Gasto de Kawarimi apenas descontado no momento do uso.



STATUS:
HP: 200/200
CH: 433/2200 (-267)
ST: 1662/1800 (-115)
SNS: 2000/2000


Missão:
 
Equipamentos:
 
Jutsus:
 



Missão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ace Uchihaavatar
Exibir perfil



Comportamento Exemplar Avaliações/Atualizações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Genjutsu Konoha | Genin
Mensagens : 1634
Data de inscrição : 10/06/2016
Idade : 23

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
760/1050  (760/1050)
Reputação Reputação: +1
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/7/2016, 17:39

Yuri rapidamente pensou numa forma de se defender da lamina e ao mesmo tempo destruir e afastar a marioneta partindo em direção ao Mestre das Marionetas ele faza de tudo para se desviar dos ataque mas os ataques seriam muito rápidos e alem disso ele não era bom em corpo a corpo, por isso ele acaba por levar os golpes da Yuri e cai no chao na qual a Monge não perde tempo em matar ele com golpes fatais.
Apos o responsável dos sequestros estar morto a sua missão estaria completa mas infelizmente um vida, uma de muitas teriam sido perdida, Yuri teria percebido que a razão do porque de uma sobrevivente ter conseguido reportar seria porque ele apenas sequestrava e matava ninjas fortes para a sua coleção de marionetas Humanas e apesar de Myuu ter escapado por uns instantes, ela teria perdido a vida mas a sua vida teria sido dada por uma boa causa porque foi graças a ela que Yuri teria conseguido descobrir tudo, agora Yuri poderia voltar para casa e talvez fazer um enterro digno a Myuu antes de voltar para Kumo.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Yuri Ha Jahadavatar
Exibir perfil



Mestre do Ninjutsu Mestre do Taijutsu Mestre do Dōjutsu Mestre do Senjutsu Kumo | Genin
Mensagens : 857
Data de inscrição : 07/05/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
620/1200  (620/1200)
Reputação Reputação: 31 - Purista
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/7/2016, 18:42



Servir o Próximo


F

eito o serviço, o Marionetista estava finalmente morto. Infelizmente, nada consegui fazer para salvar a pobre garota. Olhando para ela, o meu Akagan não encontrou o mínimo indício de vida nela, pelo que se tornou impossível salvá-la. Peguei no seu corpo e carreguei-a até a uma clareira bonita, perto de um riacho. Escavei com as minhas mãos uma pequena vala e coloquei aqui o seu corpo. Depois de o cobrir com uma boa camada de terra, busquei por uma pedra para servir de lápide, pedra essa onde desenhei uma flor com uma Kunai. Não a conhecia de lugar nenhum, por isso limitei-me a rezar-lhe um curto mantra antes de sair do local e dirigir-me até Kumo.


STATUS:
HP: 200/200
CH: 433/2200
ST: 1662/1800
SNS: 2000/2000


Missão:
 
Equipamentos:
 




Missão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaiavatar
Exibir perfil



Alcunha Demônio da Névoa
Mestre do Senjutsu Mestre do Ninjutsu Kiri | Nukenin | B
Mensagens : 1173
Data de inscrição : 04/01/2016
Idade : 20

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
490/1200  (490/1200)
Reputação Reputação: -36 - Delinquente
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   26/8/2016, 13:01

Assim que me afastei da aldeia, pude tomar visão de um campo mais aberto e menos montanhoso, um lugar muito menos problemático que o anterior. Decidi então seguir por ali, rumo ao litoral, cuidava-me em cada passo para não ser abordado de surpresa por seja lá o que fosse.

Status:
HP: 400/400
CH: 2400/2600
ST: 800/800

Itens:
 


Ficha | Criações | Casa


- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Seleshynyaavatar
Exibir perfil



Mestre do Senjutsu Kiri | Genin
Mensagens : 571
Data de inscrição : 13/07/2016
Idade : 22

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
505/550  (505/550)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   26/8/2016, 14:04

Seguia juntamente atras de kai vendo aos poucos o ambiente mudar

status ninja:
 
equipamento:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Shinka Uzumakiavatar
Exibir perfil



Kumo | Genin
Mensagens : 189
Data de inscrição : 27/04/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
65/350  (65/350)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   26/8/2016, 20:19

Apenas seguiria meu rumo, até as fronteiras com o pais da geada.

Status:
Hp: 200 Ch: 180 St: 162

Missão::
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Shinka Uzumakiavatar
Exibir perfil



Kumo | Genin
Mensagens : 189
Data de inscrição : 27/04/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
65/350  (65/350)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   26/8/2016, 22:54

Voltaria aos arredores de Kumo, após uma missão bem sucedida rumando o posto de missões.

Status:
Hp: 200 Ch: 180 St: 124

Missão:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Shinka Uzumakiavatar
Exibir perfil



Kumo | Genin
Mensagens : 189
Data de inscrição : 27/04/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
65/350  (65/350)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   29/8/2016, 20:41

Planícies do Norte
Após ter me graduado finalmente um ninja sairia pelas portas de madeira já um pouco velhas da academia ninja de kumo, não sabia ao certo aonde ir mais iria apenas em frente, havia me especializado em Genjutsu e era a única coisa que eu sabia fazer perfeitamente, e após sair de casa ouvia no orfanato sobre um comerciante que era mestre em Genjutsu, havia me especializado em Genjutsu para não sofrer com as realidades cruéis de Kumo, pessoas na miséria, assassinatos todos os dias, eu queria apenas ocultar aquilo, queria fugir de tudo aquilo nem que seja por um instante.

Havia saídos pelos enormes e pesados portões de Kumo com a autorização dos guardas que guardavam o portão, indo em direção as planícies do norte, o cenário era belíssimo, um deserto um pouco longe dali contrastava com o chão rochoso que eu estava, após andar alguns minutos em minha velocidade máxima conseguia enfim chegar as planícies, gramíneas e uma grande extensão de terras contendo vários e vários degraus formando pequenas montanhas pelo caminho, em uma parte mais plana cercado pelos mesmos pedaços de terra sobre-salientes avisto uma pequena cabana simples, chegaria mais perto e após estar a 1 metro da cabana falaria em tom bom e alto:

- Yo, há alguém em casa? Quero saber sobre um mestre que mora nessa região!







HP: 400/400
CH: 600/600
ST: 200/200


aqua
Planícies do Norte ● Ensolarado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Dōjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5781
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
755/850  (755/850)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   29/8/2016, 21:16


Narrador

O dia estaria entediante para o jovem comerciante, quando de repente os seus negócios eram interrompidos por um Gennin que entrava procurando por alguém naquele pequeno lugar — Veio comprar algo garoto? perguntaria o comerciante, já que passava a maioria de seu tempo ali vendendo e comprando coisas em um bom preço.


Comerciante Batoi
HP: ???/???
CH: ???/???
ST: ???/???





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Shinka Uzumakiavatar
Exibir perfil



Kumo | Genin
Mensagens : 189
Data de inscrição : 27/04/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
65/350  (65/350)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   29/8/2016, 22:12

Planícies do Norte
Sinceramente não sabia ao certo o que se passava na mente daquele velho, aquile cenário tinha uma beleza sem igual, um solo firme e seco com gramíneas baixas, o vento era forte e acabava por balançar meus cabelos esverdeados e consequentemente meu roupão, mostrando completamente meu torço que apesar de minha pouca força era bem definido. Após chamar em uma tenda em um terreno plano e rodeado com terras sobre-salientes aparecia um homem de pele escura e sobrancelhas bem definidas, que me dizia: - Veio comprar algo garoto?

Sua voz era forte e marcante, talvez até se pudesse dizer que era bem parecido com o cenário o qual estava, aquele belíssimo campo verde, olhando para o comerciante digo: - Eu não vim comprar nada, estou procurando por Batoi um famoso mestre Genjutsu desta região e acredito que ele tenha coisas importantes a me ensinar, um ninja especializado em Genjutsu.







HP: 400/400
CH: 600/600
ST: 200/200


aqua
Planícies do Norte ● Ensolarado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Dōjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5781
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
755/850  (755/850)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   30/8/2016, 12:51


Narrador

— Você está falando com ele! dizia o comerciante enquanto dispensava um de seus clientes para dar uma ajuda nos treinamentos de Shinka, no mesmo ele caminhava para fora daquela cabana e sentando naquele chão ele dizia ao Gennin Quando começaremos o treinamento?o homem ficaria a esperar de uma resposta.



Comerciante Batoi
HP: ???/???
CH: ???/???
ST: ???/???





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Shinka Uzumakiavatar
Exibir perfil



Kumo | Genin
Mensagens : 189
Data de inscrição : 27/04/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
65/350  (65/350)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   30/8/2016, 19:10

Planícies do Norte - Treinamento Resistência
- Você está falando com ele! - era o que o comerciante me dizia, estava admirado ele não parecia nem um pouco com um mestre em Genjutsu, o vento fazia barulho ao se chocar com a pequena tenda do comerciante, as gramíneas pareciam que iam ser arrancadas pelo vento forte que fazia naquele local, não havia entrado no propriamente dito comercio e esperava fora da tenda pelo comerciante que acabava de dispensar seu cliente para poder focar apenas em meu treinamento, o mestre caminhava em minha direção e logo após isso sentava no chão que era forrado por um '' tapete '' de grama, feito isso dizia: -- Quando começaremos o treinamento?.

Vendo aquela oportunidade que o mestre havia me dado aproveitaria, afinal um bom genjutsu não depende apenas de uma boa mente, mente e corpo tem de andar em sintonia, deito então no solo do local aonde estava e ficaria em posição para realizar os exercícios, com uma mão com 1 metros de distância da outra e com as pernas bem esticada e rentes uma a outra começaria o treinamento, mantendo o corpo reto para ganhar sustentação começaria o programa de exercícios, colocando toda a força em meus bíceps e músculos peitorais começaria a erguer meu corpo e continuaria descendo meu torço com a sustentação de meus braços, após a primeira flexão realizada com sucesso respiraria fundo e continuaria a treinar. Manteria meu corpo reto para ganhar sustentação e continuaria o programa de exercícios, colocando novamente a minha força em meus bíceps e músculos peitorais ergueria meu corpo e continuaria descendo meu torço com a sustentação de meus braços, ainda mantendo o corpo reto para ganhar sustentação e colocando a força em meus bíceps e músculos peitorais começaria a erguer meu corpo e depois desceria meu torço com a sustentação de meus braços e por fim respiraria fundo novamente, deixando meu corpo reto faria força nos meus bíceps e músculos peitorais e me ergueria novamente, erguido repetiria o feito das três flexões passadas descendo meu torço fazendo uma '' ponte '' com meus músculos do braço, e mais uma vez ergueria meu torço colocando força nos músculos braçais e peitorais e desceria meu torço nomante usando os braços para sustentação. Após cinco flexões concluídas com sucesso aumentaria um pouco a velocidade das flexões.

Aumentando a velocidade das flexões começaria uma intensa maratona de exercícios tipo flexão, me erguendo mais rapidamente e utilizando a mesma quantidade de força nos músculos peitorais e braçais do que os outros exercícios começaria a flexão mantendo meu corpo ereto, continuaria a flexão descendo meu corpo rapidamente e mantendo o equilíbrio com o auxilio de meus braços e pernas, afinal fazer feio perto de um veterano não é aceitável. Após uma flexão com a velocidade aumentada voltaria o ritmo normal, continuando a manter meu corpo ereto começaria a me erguer em meu ritmo normal colocando força em meus músculos e depois desceria meu torso para concluir mais outra flexão, continuaria a maratona com outra flexão comum, colocando força nos músculos peitorais e braçais me ergueria, e colocando força nos braços para manter o equilíbrio rebaixaria meu corpo rente ao chão sempre controlando minha respiração. Colocando toda a força em meus bíceps e músculos peitorais começaria a erguer meu corpo e continuaria descendo meu torço com a sustentação de meus braços, me ergueria novamente com o apoio dos músculos braçais e peitorais, erguido repetiria o feito das flexões passadas descendo meu torço fazendo um ponto de equilíbrio com meus músculos do braço, e mais uma vez ergueria meu torço colocando força nos músculos braçais e peitorais e desceria meu torço nomante usando os braços para sustentação.

Continuaria com o desafio que me fora posto com mais outra flexão comum, deixando meu corpo reto faria força nos meus bíceps e músculos peitorais e me ergueria novamente, logo após isso desceria meu torço até o mesmo ficar rente ao chão, com mais velocidade do que os outros movimentos passados faria força nos meus braços e seus músculos e me ergueria, erguido faria força nos braços para manter a sustentação e desceria meu torso até ficar rente ao chão, faria o mesmo movimento controlando minha respiração por mais algumas vezes, ultrapassando o limite de meu corpo, após concluir as flexões falaria ofegante:

— Minha mente e meu corpo tem de andar em sincronia não é mesmo?






HP: 400/400
CH: 600/600
ST: 200/200


aqua
Planícies do Norte ● Ensolarado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Dōjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5781
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
755/850  (755/850)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   30/8/2016, 19:24


Narrador

— Desculpe... Mas não sou muito bom com isto garoto! no mesmo o homem falava a verdade, não tinha muito experiência com o corpo humano, mas era eficiente quando se tratava da mente humana já que era um dos melhores treinadores de Genjutsu daquele lugar. Ainda sentado naquele chão, o homem fechava os seus olhos em sequencia dizia ao jovem — Me mostre o que você sabe de Genjutsu! — esperaria por uma resposta do jovem, no mesmo esperando ser pego por um Genjutsu caso ele tivesse.




Comerciante Batoi
HP: ???/???
CH: ???/???
ST: ???/???


Treinamento de SubStatus considerados.





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaede Akashiroavatar
Exibir perfil



Kumo | Genin
Mensagens : 64
Data de inscrição : 10/04/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
130/350  (130/350)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   30/8/2016, 20:33

Treino de Genjutsu, Controle de Chakra e Constituição Mental

A decisão foi tomada de maneira completamente inesperada. Ora, por que não? O que poderia dar errado? Já sou independente, não sou? Kaede andava um tanto apressada pelas ruas de Kumo, sempre atenta a quaisquer pontos de referência que pudesse guiá-la quando fosse necessário. Um de seus antigos colegas de Academia disse-lhe que conhecia um ótimo usuário de Genjutsus - um que estava disposto a ajudar qualquer interessado na arte das ilusões. A Genin perguntou ao seu antigo professor e assim que recebeu a confirmação da existência desse mestre, decidiu ir aprender e se informar melhor. Não destacou-se tanto quanto queria em relação a esse tipo de jutsu, mas desejava muito aprender mais - na verdade, PRECISAVA aprender - por isso não hesitou. Claro, sua tia ficaria bastante preocupada com seu sumiço, mas a kunoichi não teria paz enquanto não cumprisse seu objetivo, então pediu a um funcionário da Academia que avisasse, caso alguém perguntasse. Como Kaede não conhecia Kumo tão bem, agiu com cuidado para não se perder e repassou em sua cabeça mil ações a se tomar se fosse assaltada ou atacada repentinamente.

Seguindo tão ao norte, redescobriu a aldeia. Áreas estéreis cujas pedras formavam presas rochosas intercalavam-se com faixas de deslumbrante vegetação. As montanhas são alguns dos mais belo ambientes que existem e possuem a capacidade de encantar aqueles que sabem para onde olhar. Após passar por um certo ponto, construções humanas tornavam-se cada vez mais escassas e a natureza do País do Trovão, graças ao espaço e à liberdade, conseguia exibir toda a sua exuberância. Vez ou outra tinha a oportunidade de receber o cumprimento de algum aldeão que vivia naquela parte mais afastada. Kaede sempre deslumbrou-se com o progresso nas áreas mais desenvolvidas de Kumo, mas após ver o sorriso dos moradores das planícies do norte, percebeu que grandiosidade não é um requisito para ser feliz. Ao menos não para todos.

A partir de um determinado momento, a paisagem mudou: chegou em um local com fendas e estruturas que se pareciam com degraus de terra e grama. Ventos frescos assopravam a face de Kaede. O tempo todo olhava pelos arredores em busca de algo que indicasse onde estava o mestre do qual ouvira falar. Sabia que era um comerciante, mas o ambiente parecia tão inóspito que os únicos clientes que alguém teria ali seriam folhas e poeira. Para não perder a viagem, a kunoichi optou por tentar ver o mar e assim que deu alguns passos para explorar melhor a área, avistou uma barraca no meio do nada. Estranho, pensou ser uma armadilha, porém a curiosidade falou mais alto. Com uma kunai em cada mão, mas ainda pensando na possibilidade de ver o mar no final do dia, aproximou-se rapidamente e viu duas pessoas. Tudo era estranho demais, afinal, um grande usuário de Genjutsus certamente teria discernimento suficiente para saber que um ponto deserto no extremo norte da montanha era a pior área comercial possível... Talvez o comerciante estivesse procurando por matéria-prima, todavia por mais reconfortante que essa hipótese fosse, os ensinamentos que recebeu diziam-lhe para desconfiar de tudo e de todos.


- Ahn… Batoi?

Não mais do que cinco passos separavam-na da barraca. Assim que terminou a pergunta, pensou bem em toda a situação. Sua voz soou firme e, felizmente, não demonstrou sua preocupação. Olhou melhor aqueles a sua frente: um rapaz usando uma bandana de Kumo cuja jovialidade indicava não ser um mestre em Genjutsus, e um homem que provavelmente era quem a Genin procurava. Pensando bem, seria interessante ter um companheiro - se aprendessem juntos -, mas treinar ao lado de um completo desconhecido causava apreensão na kunoichi. Felizmente tinha - ou pensou ter - a frieza para matar alguém em caso de necessidade. "Será que tenho alguma chance contra os dois? Apenas sair viva já é satisfatório." Um dos grandes medos de Kaede é morrer. Bem, não se importa com a morte em si e sim com a morte no momento inoportuno: odiaria perecer antes de fazer tudo o que almeja. Viajar, pesquisar, revolucionar, aprender... Talvez fosse muito para uma única vida, então só podia aproveitar o máximo que pudesse enquanto não descobrisse um jeito de conseguir mais vidas. E se fosse morta por aqueles dois homens? Nada poderia ser feito. Talvez devesse fugir e voltar acompanhada para ser treinada por Batoi em condições menos arriscadas.

HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 200/200

Equipamentos:

10 Kunais


Ficha

“Ne laisse pas ces salauds t’écraser.” - A woman

“Dans la vie, rien n'est à craindre, tout est à comprendre.” - Marie Curie

“Rien est facile, rien est simple.” - Alice Munro

“Je me sens prisonnière. Ma liberté se heurte aux frontières de mes limites.” - Kusanagi Motoko

“La responsabilité des demandes sacrifice.” - Princess Bubblegum
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidado
Exibir perfil

Convidado

MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/8/2016, 17:30







Apenas passava por aquele local, logo estaria no Templo do Céu.


HP : 200
CH : 110
ST : 200



Voltar ao Topo Ir em baixo
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Dōjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5781
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
755/850  (755/850)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/8/2016, 17:51


Narrador

Batoi poderia ser um ninja não reconhecido por aquela vila, mas sentia a presença de uma mente desconhecida em volta de sua barraca, e não seria de Shinka, o garoto que estaria treinando. Como o jovem não tinha feito nenhum movimento, ele se levantaria do chão e no mesmo veria a garota ali parada que parecia indecisa oque iria fazer, caminhando em sua direção pararia a dez metros e no mesmo dizia — O que deseja minha jovem?enfim ele sentia como uma ameaça, o desejo de matar dentro de um corpo frágil como dela, mas ela ainda não estaria pronto para lutar contra um mestre daqueles.



Comerciante Batoi
HP: ???/???
CH: ???/???
ST: ???/???





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaede Akashiroavatar
Exibir perfil



Kumo | Genin
Mensagens : 64
Data de inscrição : 10/04/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
130/350  (130/350)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/8/2016, 18:36

Treino de Genjutsu, Controle de Chakra e Constituição Mental

Então o que você fará? Usará essas kunais, duas armas de destruição em massa, para aniquilar seus inimigos? Em um lugar comum, conseguiria rir de si mesma, mas não havia nada de comum na situação em que se encontrava. Quando Batoi tomou a iniciativa ao se aproximar, Kaede finalmente percebeu o papel ridículo que fazia: era uma reles criança de dois anos carregando um par de armas afiadas. Se seu antigo sensei não lhe avisou de quaisquer riscos, era porque o comerciante nunca representou qualquer perigo.

- Eu sinto muito por essa cena. Não pretendo atacar ninguém.

Após inspirar um grande volume de ar, guardou as kunais que tinha em mãos - executou cada movimento vagarosamente, queria demonstrar que não tinha intenções hostis. Assim que terminou, curvou-se levemente de modo a não apenas demonstrar respeito, como também tentar desculpar-se. Kaede já se imaginava adulta, rindo de tudo aquilo, pensando nas bobagens que fez quando pensava como criança e agia como criança. Quando ainda era criança. Mantendo-se calada, a kunoichi decidiu agir também e em uma demonstração de confiança, aproximou-se de Batoi. Era fundamental aprender Genjutsu, por isso a Genin decidiu não se dar o luxo de perder uma das melhores chances que já teve: preferia evitar agressões ao máximo e se conseguisse dominar a arte das ilusões, teria o poder de lutar pelo que quer sem necessariamente usar violência. Ainda um tanto envergonhada com a gafe que cometeu, estendeu a mão direita de maneira tímida e fitou o comerciante durante alguns segundos. Forçou-se a sorrir - algo que quase nunca fazia - e não resistiu a varrer as redondezas com um rápido movimento dos olhos. Não havia mais alguém ali? Talvez um rapaz? Que tolice continuar com esse drama.

- Eu vim até aqui procurar por ajuda com Genjutsus. Falaram-me que você era um grande mestre nessa área, então não hesitei em procurá-lo. Bem, posso não ter me aproximado do melhor jeito, mas peço que esqueça tudo isso. Que tal recomeçarmos?

Antes de falar, a kunoichi escolheu cuidadosamente quais e como usaria as palavras. “Não ter se aproximado do melhor jeito” foi um eufemismo divertido. Ela explicitamente preparou-se para matar o homem a quem agora pedia ajuda. As probabilidades de ele rejeitá-la eram altas, mas a menina não daria o braço a torcer. Andou demais para se entregar tão facilmente e logo se dispôs a usar os artifícios que fossem necessários para convencer Batoi a ser seu mestre. Poderia tentar levar seus produtos até Kumogakure no Sato e vendê-los por toda a aldeia, ou, quem sabe, subir no pico mais alto da montanha mais alta para pegar alguma planta medicinal. Ninguém é feliz e todos precisam de algo, a Genin só precisaria ser suficientemente astuta para convencer o comerciante de que ele só teria a ganhar.

HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 200/200

Equipamentos:

10 Kunais


Ficha

“Ne laisse pas ces salauds t’écraser.” - A woman

“Dans la vie, rien n'est à craindre, tout est à comprendre.” - Marie Curie

“Rien est facile, rien est simple.” - Alice Munro

“Je me sens prisonnière. Ma liberté se heurte aux frontières de mes limites.” - Kusanagi Motoko

“La responsabilité des demandes sacrifice.” - Princess Bubblegum
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Dōjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5781
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
755/850  (755/850)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/8/2016, 18:47


Narrador

O homem prestava atenção nas palavras que saiam da boca da garota, no mesmo ela se mantinha firme e disposta a treinar o seu Genjutsu, que ainda seria uma aprendiz naquilo — sem problemas, se tu quer treinar venha!no mesmo ele caminhava até onde Shinka estava, e sentaria a cinco metros deles esperando com que Kaede o seguisse até ali...
 
Mantendo o seu corpo calmo, o mestre ficava ali parado tentando bolar em um treinamento para a jovem — Podes começar com uma meditação, quando terminar me avise!enquanto dava uma ordem á Kunoichi, ele ficaria a espera de ser pego pelo Genjutsu que Shinka estaria a bolar.



Comerciante Batoi
HP: ???/???
CH: ???/???
ST: ???/???





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaede Akashiroavatar
Exibir perfil



Kumo | Genin
Mensagens : 64
Data de inscrição : 10/04/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
130/350  (130/350)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/8/2016, 20:36

Treino de Genjutsu, Controle de Chakra e Constituição Mental

Quando ouviu aquele desconhecido, pensou que choraria, mas conseguiu manter um pouco de dignidade: curvou-se novamente e não permitiu que uma única lágrima dançasse em sua face. Em silêncio e infinitamente mais calma, seguiu Batoi até sua barraca e encontrou-se com o outro shinobi de Kumogakure. Cumprimentou seu companheiro com um curto movimento da cabeça e pensou em falar algo, até concluir que qualquer palavra saída soaria forçada. Serem amigos ou inimigos não faria qualquer diferença no resultado final do treinamento, por isso a kunoichi não se esforçou para estabelecer contato. Odiava interações sociais e mantendo-se distante, não correria o risco de dividir sua concentração entre os exercícios e sua nova amizade. Ouviu bem todas as instruções que lhe foram passadas, porém não conseguiu deixar de prestar atenção no que o mestre disse ao outro aluno. Observando mais uma vez que comportou-se como uma idiota, decidiu afastar-se e pensar somente nos motivos que a levaram a um lugar tão inóspito quanto as planícies no extremo norte.

Durante seu tempo na Academia, aprendeu que um ninja precisa ter a mente tão forte quanto o seu corpo e por isso as crianças meditavam com certa frequência. Kaede sempre gostou muito de tal atividade, uma vez que era uma maneira de ir bem fundo em si mesma para encontrar respostas para seus problemas - ou apenas criar ainda mais dúvidas em relação ao seu ser. Fechou os olhos, ainda com alguma hesitação, e sentou-se com as pernas cruzadas. Sentia cada músculo de seu corpo retesar e por mais que tentasse pensar em algo, não conseguiu focar-se em nada além da impressão de ter gelo passando por suas veias e congelando sua musculatura. Ombros e pescoços não tardaram a doer e a relativa falta de agilidade contribuiu para causar ainda mais dor.
- Mestre, eu não… - Calou-se antes de concluir a frase. Nunca se permitiria fazer uma demonstração tão medíocre de um exercício tão banal: meditou dezenas de vezes, encontrou problemas em muitas delas e jamais desistiu por um incômodo suportável. Repentinamente, também recordou-se de um exercício que aprendera com alguns dos professores mais velhos.

O truque era usar chakra para aliviar a tensão de seu corpo e criar condições mais auspiciosas para o pleno desenvolvimento de seu espírito. Para tanto, um bom controle é fundamental, mas isso não era problema, pois a própria Kaede desenvolveu um método original para facilitar o domínio sobre si mesma. Simplesmente fugia de todo pensamento que gerasse apreensões. Se pensava sobre o futuro, imediatamente desviava o foco para o que comeu no café da manhã. Se pensava em sua fraqueza, concentrava-se na cor do céu da aldeia e assim sucessivamente. Só se permitia ter pensamentos positivos. O resultado? A libertação - temporária - de todos os problemas, uma mente limpa e o total desempecimento da movimentação do chakra.

Não sabia muito bem no que pensar, seguindo a estratégia que desenvolveu. Todas as suas ideias levavam a um pensamento negativo que atrapalharia na distribuição de energia no seu corpo: os tenketsus, que regulavam isso, pareciam ser influenciados pelo estado mental do shinobi. Repentinamente, lembrou-se dos seus sonhos e decidiu buscar força neles, desprezando a realidade. O que seria sem dez, vinte anos?

Muito. Muito. Seria muito mais.

Conseguia ver seu nome em letras grandes nos melhores livros. Triunfante, descobria mais e mais. A cura para todas as doenças? Fácil! O primeiro transhumano? Ora, criado por Kaede Akashiro! Os melhores livros? Por favor, o nome da kunoichi de Kumo está em todos e nada mais importa! Juventude eterna? Qual a razão de se preocupar com mais um problema resolvido pela grande Kaede! O sistema circulatório de chakra inundava cada célula com poder, nenhum tenketsu limitou esse fluxo. A energia simplesmente viajava por todas as direções ao mesmo tempo, como se fosse uma revoada de pássaros libertados de uma prisão outrora considerada eterna. E adivinhem quem vai aprender todos os jutsus que existem… Droga, ainda estão pensando? Kaede! Ah, resta ainda saber quem revolucionou todo o país do trovão. Senhoras e senhores, essa pessoa é Kaede Akashiro. Seu corpo era envolvido pelo chakra. Instantaneamente, a garotinha de doze anos ganhou força. Talvez fosse invencível. Realizou a façanha de banhar-se em seu próprio poder.

E onde estavam os outros? Os amigos deixados no vilarejo do qual saiu há anos, a família que nunca fora tão importante quanto a kunoichi e seus planos, os professores e treinadores que foram fundamentais… Todos abandonados. Não podia fazer tudo por todos. Sacrifícios são necessários para que bens maiores sejam alcançáveis. Toda a concentração foi destruída e o chakra já não fluía com liberdade. Corpo e mente conflitavam de tal maneira que Kaede tornou-se uma bomba incontrolável. Grandes explosões de energia intercalavam-se com períodos um fluxo de energia tão fino quanto um riacho percorria os ossos e a carne de aprendiz. O extremo dos sonhos não fora efetivo e a realidade seria igualmente catastrófica, então no que pensar? No agora! Sentada em um grande bloco de pedra que encontrava-se sobre uma das centenas de montanhas de Kumogakure no Sato, estava Kaede Akashiro, jovem kunoichi de doze anos de idade cuja imaginação era fértil demais. Não foi hostilizada, fazia aquilo que mais gostava - aprender - e possuía possibilidades que destoavam muito daquilo que queria, mas tudo bem. Era jovem demais. O que faria depois que terminasse aquele breve treinamento? Continuaria ampliando seus conhecimentos até tornar-se a cientista que desejava? Ocasionalmente tomaria uma decisão errada que a levaria a uma vida medíocre? Das infinitas possibilidades, não havia sentido em não preferir as mais acolhedoras.

Seria grandiosa e estava no caminho certo. Mas se quisesse ter alguma chance, seria obrigada a se esforçar.

HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 200/200

Equipamentos:

10 Kunais


Ficha

“Ne laisse pas ces salauds t’écraser.” - A woman

“Dans la vie, rien n'est à craindre, tout est à comprendre.” - Marie Curie

“Rien est facile, rien est simple.” - Alice Munro

“Je me sens prisonnière. Ma liberté se heurte aux frontières de mes limites.” - Kusanagi Motoko

“La responsabilité des demandes sacrifice.” - Princess Bubblegum
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Dōjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5781
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
755/850  (755/850)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   31/8/2016, 20:49


Narrador

Percebendo que Kaede teria terminado o treinamento passado pelo seu mestre, ele tirava um par de guizos debaixo de sua camisa e no mesmo fazia um barulho quase impossível de se escutado após dez metros. Nada acontecia após aquele momento, mas de repente a jovem conseguia notar algo estranho, começava a ver visões da sua própria morte, as visões eram tão reais que seu corpo chegava a ficar paralisado, caso quisesse sair daquilo teria de usar sua cabeça.

Considerações:
- Quero que você narre como descobriu que estava presa em um Genjutsu, e saindo dele.



Comerciante Batoi
HP: ???/???
CH: ???/???
ST: ???/???

Jutsu Usado:
 


Treino de SubStatus considerados.





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Shinka Uzumakiavatar
Exibir perfil



Kumo | Genin
Mensagens : 189
Data de inscrição : 27/04/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
65/350  (65/350)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   1/9/2016, 10:22

Planícies do Norte
Ficava por algum tempo a pensar, o que faria? Não havia treinado nenhum Genjutsu, além daqueles que eu fizera e treinara enquanto estava na academia ninja, enquanto pensava era perceptível a presença de uma garota, a 5 metros de onde estávamos treinando, a intenção assassina da mesma poderia ser vista no olhar, porém ela não teria chance alguma contra o mestre e eu, na realidade provavelmente não teria chance contra apenas eu, mais não estava ali para aqui, vendo a garota apenas ignoraria, afinal não a conhecia.

Resolvia fazer o primeiro jutsu que havia criado, sentiria o fogo de meu elemento queimar em minha barriga, inflaria meus pulmões realizaria a sequencia de selos: Macaco > Bode em minha velocidade máxima de troca de selos e por fim expeliria apenas fumaça, mais não o fogo em si, faria com que a fumaça tivesse raio de 10 metros e cercasse Batoi, e consequentemente a menina a qual não sabia o nome, feito isso me afastaria com um pulo para trás para não ser pego em meu próprio Genjutsu

Treino de Técnica::
 








HP: 400/400
CH: 500/600
ST: 200/200


aqua
Planícies do Norte ● Ensolarado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado
Exibir perfil



MensagemAssunto: Re: Planícies do Norte   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Planícies do Norte
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 8Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Planícies do Norte
» Guia de Inicantes, Aprenda tudo o que precisa para começar!
» AZamerica s1001. Vale a pena???
» Faça sua cartinha para Papai Noel
» [Kusa] Floresta do Norte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Survival 4.0 :: País do Trovão :: Território do País do Trovão :: Arredores-
Ir para: