Naruto Survival 4.1
Conectar-se

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
» Pedido de Narrador/Avaliador
Hoje à(s) 01:39 por Kon Reeves

» Ruas e Alamedas de Getsugakure
Hoje à(s) 00:45 por Shirou Emiya

» Primeiro Campo de Treinamento
Hoje à(s) 00:17 por Atsushi Nobuhiko

» Monte Satomi
Hoje à(s) 00:06 por Juxé

» Casa de Repouso
Hoje à(s) 00:05 por Lauts

» Banco de Atualizações Gerais
Ontem à(s) 23:28 por Juxé

» Florestas e Bosques
Ontem à(s) 23:28 por Juxé

» [Criações] Lauts 2.0
Ontem à(s) 23:06 por Lauts

» Ruas e Alamedas do Centro Residencial
Ontem à(s) 22:54 por Takamura

» [Criações] Kai
Ontem à(s) 22:52 por Kai

Acesso Rápido
Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante :: 1 Motor de busca

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 39 em 2/10/2016, 21:50
Calendário do RPG
Primavera

Estação: Primavera
Ano: X020
Procurados
Parceiros
http://pt-br.naruto.wikia.com/wiki/Wiki_Naruto
RPG - Hogwarts SchoolFórum grátisShinki RPGPokéMytushttp://www.heroisdoolimporpg.com/Pokémon Agenda RPGhttp://poke-mythical.forumeiros.com/http://narutorpgakatsuki.com.br/

Nosso Banner









mensagens recentes
ambientação


novidades
00/00
Novidade número um,
00/00
Novidade número dois,
00/00
Novidade número três,
00/00
Novidade número quatro,
00/00
Novidade número cinco,
00/00
Novidade número seis,
00/00
Novidade número sete,,
00/00
Novidade número oito,
00/00
Novidade número nove,
00/00
Novidade número dez,
00/00
Novidade número onze,
00/00
Novidade numero doze,
acesso rápido

Mangues e Pântanos

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Mangues e Pântanos

Mensagem por Survival em 25/11/2015, 21:31




Mangues e Pântanos

A grande floresta encharcada de Kirigakure é uma extensão de sua fauna pelo território do País da Água. Diversos riachos costuram o ambiente, eles cruzam e se descruzam em vários trechos, e noutros desaguam em pequenas quedas de água onde podem se concentrar para formar um lago de pequenas proporções. Ainda sim, alguns leitos d'água são capazes de escapar das valas do País da Água para enfim encontraram-se com o mar.

A umidade toma conta do lugar, tornando a superfície das árvores lisas quando não tomadas por musgos, algumas se erguem sob grossas raízes acima de terrenos alagados, gerando pântanos que tornam-se uma armadilha para visitantes descuidados. Além de tudo, a névoa constante favorece uma visibilidade ainda menor do local. Muitos animais habitam este local, em especial répteis e moluscos adaptáveis à umidade.
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Kai em 7/1/2016, 15:52


Confusão com o Carteiro - Parte II

Esse não era o melhor caminho que carteiro poderia tomar, uma floresta alagada em pântanos e musgos, que poderiam facilmente alocar anfíbios venenosos e demais surpresas naturais pelo terreno. Se meter aqui não era para qualquer um, mas Kai resolveu insistir, tinha uma encomenda em mãos que precisava ser entregue à um carteiro equivocado pela ação mal compreendida de uma conselheira, quem deveria fazer isso? Kai, claro.

A névoa já era costumeira para o garoto, ele sabia que nela escondiam-se os maiores perigos de sua vila, por isso resolveu manter a calma e formar seu trajeto pelo solo, nas partes mais frágeis e encharcadas manteria-se acima do mesmo saltando com cautela por entre as árvores, de forma a se agarrar sempre no maior numero de galhos possíveis para não cair de lá.

Foi então, que depois de alguns minutos perambulando pelo local, avistou o carteiro à algumas dezenas de metros levando suas encomendas acima do corpo, pois toda sua roupa já estava manchada em lodo e musgos, pobre homem, deve ter tido problemas ao passar por aqui.

- Tsc, melhor ajudar ele.

O genin foi até o homem e deu-lhe uma trepadeira para que saísse do meio da água, esperou que o mesmo a agarrasse para assim poder puxá-lo à superfície. Quando lá, Kai explicaria o paradeiro da entrega.

- É mesmo? Então eu fiz todo esse caminho em vão... - Desanimou-se o homem.

- Pelo menos agora você tem a encomenda certa, aqui está. - Entregou o tal pacote ao homem com um sorriso de leve no rosto, uma forma de se desculpar pelo mal entendido de sua vila.

Após receber a troca de entregas, Kai orientou o homem a tomar outro caminho, contornando o mangue era possível chegar a uma zona mais limpa que o sujeito poderia usar para compensar o atraso naquele local. Depois do feito, o genin tomou o rumo da aldeia. Se fosse rápido ainda poderia fazer aquele treino que imaginaria desde cedo.

Status:
HP: 200/200
CH: 800/800
ST: 200/200

Spoiler:
Confusão com o Carteiro
Rank: D
Descrição: A conselheira da vila se confundiu, e entregou uma correspondência errada para um Carteiro. Vá atras do carteiro pegue a correspondência de volta, e passe à ele a encomenda correta.
Locais: Tópicos dos Arredores da Aldeia


Ficha | Criações | Casa


- 7 Espadachins da Névoa
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Komuro Takashi em 2/3/2016, 14:11


Missão: O Carteiro

Depois de sair da aldeia,Takashi vai aos arredores da vila procurar por seu objetivo o carteiro!
-ele deve ter passado por aqui, segundo relatos de pessoas da vila ele passou pelos mangues e pântanos, devo encontra-lo.
Takashi mal sabia que o carteiro era também um ninja habilidoso e rápido! que tinha muita experiência com aquele local, já takashi não.
-tenho que fazer um rápido reconhecimento da área...(cinco minutos depois) pronto ja tenho o curso que ele provavelmente tomou mas há algumas armadilhas naturais aqui como predadores e muita umidade meus jutsus elementais não fariam muito efeito, devo usar minhas habilidades ninjas e seguir o rastro do carteiro!
depois de um tempo pulando de tronco em tronco cipó em cipó takashi acaba encontrando  cinco sarus que acabaram se sentindo ameaçados pelo ninja
-estou encurralado, a quantidade de sarus é muito grande pra enfrentar sozinho devo fugir!
então ele correu  o mais rápido que pode saltando entre as arvores porem um dos sarus estava decidido acerta-lo porem takashi usou o Kawarimi no Jutsu que o trocou no meio de uma fumaça por um tronco que desviou a atenção dos sarus enquanto takashi fugia para a rota! e ao longe vê o Carteiro !
-Finalmente! , posso agora realizar a troca das cartas e voltar a vila!
Logo que chegou ao carteiro explicou o problema e apresentou o pergaminho da missão ao carteiro que então o entregou a encomenda certa após a realização da troca takashi volta pela rota certa entre os mangues e sai dos Mangues e Pântanos
Missão:

Confusão com o Carteiro
Rank: D
Descrição: A conselheira da vila se confundiu, e entregou uma correspondência errada para um Carteiro. Vá atras do carteiro pegue a correspondência de volta, e passe à ele a encomenda correta.
Locais: Tópicos dos Arredores da Aldeia


Assinatura ninja:


Uchiha Takashi

HP: 200
CH: 200
ST: 200

"Seus sonhos dependem de você."
"
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Kai em 16/6/2016, 20:14


Passejei com cautela por entre os mangues rumo à aldeia.

Status:
HP: 400/400
CH: 1400/1400
ST: 800/800

Itens:

Manoplas de Metal
Descrição: Elas são um par de grandes manoplas , de metal — cada irmão usava uma — que também abrigava uma longa, corrente retrátil de shuriken correndo entre os dois, que é usada para ligar um inimigo e, em seguida, rasgar em pedaços. No caso da corrente de shuriken ser neutralizada, as manoplas têm também um mecanismo de libertação para liberar o usuário para ataques individuais com as garras afiadas nos dedos, envenenados para a letalidade adicional.
Notas: Correntes separadas e com veneno rank D em apenas uma delas;


Katana
Preço: 300 ryous
Quantidade: 1 unidade
Descrição: Historicamente, kataná (刀) é o nome de uma das muitas espadas japonesas tradicionalmente manufaturadas (日本 刀nihonto ) que foram usadas pelos samurais do Japão feudal . As versões modernas do kataná às vezes são construídas valendo-se de materiais e métodos não tradicionais, contudo, estas n. A kataná se caracteriza pela sua aparência distinta : um a lâmina de gume único, ligeiramente curva, relativamente grossa, com um guarda circular ou quadrada e longo cabo/empunhadura para acomodar duas mãos.


Katana
Descrição: Uma katana comum de cabo em coloração vermelha, modificada com o único propósito de ser empunhada pelo Sabre Vermelho da Névoa. O tecido que adorna a empunhadura, bem como o trapo que a prende na bainha, derivam ambas das vestes de seu portador.


Armadura de Batalha Shinobi
Preço: 1000 ryous
Quantidade: 1 unidade
Descrição: Durante a era antes das vilas ocultas, os shinobi usavam uma armadura que era semelhante ao de um samurai. Ela proporcionava uma defesa maior do que o vestuário simples que os shinobi usariam em missões que não seriam para batalhas decisivas devido a ser feito de placas de armadura pesadas. Os shinobi de Konoha continuaram a usar a armadura até pelo menos a Primeira Guerra Mundial Shinobi, quando na segunda a transição para coletes começou.
Nota¹: A parte de metal da armadura protege contra quaisquer danos de lâminas básicas que não estejam infundidas com chakra.
Nota²: Diminui a velocidade do usuário em 3 m/s;


Samehada
Descrição: Samehada (鲛肌; Literalmente significa "Pele de Tubarão") é uma grande espada senciente, comparável em tamanho ao Kubikiribōchō. Ela é descrita como "a mais terrível de todas as sete espadas da névoa" e até ganhou o título de "Grande Espada" (大刀, Daitō), acrescentando ainda mais em sua reputação temível.
Embora na maior parte é envolta por ataduras, a construção de Samehada é atípica na medida em que a lâmina real é constituída a partir de uma série de escalas de execução virada para baixo ao longo da totalidade do seu comprimento, até ao seu máximo, na base do qual está um pequeno crânio. Samehada cresce na proporção da quantidade de chakra que absorve fazendo com que suas escamas se tornem tão longas que elas finalmente lembram barbatanas de tubarão e sua boca, situada na ponta da lâmina se tornam ainda mais visíveis. Mantendo Samehada enrolada em ataduras, aparentemente ajuda a inibir este crescimento até um certo ponto.
Notas:- Samehada escolhe seu dono pelo "gosto" do chakra. No entanto, ela oferece certa repulsa a chakra Katon;
- Samehada pode absorver 200 pontos de chakra por post ao fazer contato físico suficiente com o oponente e transferi isso a seu portador, seja em forma de chakra ou em HP. Se for um Jinchuuriki ou Bijuu, ela absorve o dobro;
- Samehada gasta chakra contínuo de rank S de seu utilizador sempre que for utilizada;
- Na etapa de fusão, o portador ganha características da espada, tais como, absorver chakra por contato físico, estender picos espinhosos de seu corpo e rastrear chakra;
- Samehada pode repudir um portador projetado lâminas em seu cabo;
- Samehada tem personalidade própria e controlada/narrada pelo portador somente quando estiver sobre sua posse;
- Depois de algum tempo convivendo com seu portador, Samehada pode possuir a mesma assinatura de chakra que o dono, isso significa que aos sentidos de ninjas rastreadores será como o usuário ter um clone de seu chakra consigo;
- Samehada pode absorver chakra de técnicas de até seu rank;
- Samehada não fala, só rosna;


Ficha | Criações | Casa


- 7 Espadachins da Névoa
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por GEHENA em 18/6/2016, 15:02


Eu não queria explicar para qualquer um o motivo de eu estar neste lugar procurando por ladroes, bem, era a missão atribuída, isso é certo, mas logo neste lugar, desanimador, sem duvida... Saltei sobre arvores até encontrar um local isolado, bem então eu tive de esperar, não tinha nenhuma garantia que o esconderijo dos ladroes era neste lugar. mas os relatos eram dos moradores locais, então eu tinha apenas que seguir em frente. eles corriam para esta área, eles disseram. Apos espera por quase meia hora decidir mudar de local. De fato tive de tomar cuidado com a flora natural, musgo e outras armadilhas naturais me deixavam mais preocupado que qualquer outro ladrão que pudesse estar ali.


Em um certo ponto escutei algo, vozes eu esperava que fosse. Parei e olhei para baixo, nada a vista. Esperei, mais um pouco. Duas figuras caminhavam com aparente dificuldade pelo mangue. - Eu disse que era para a gente ter saído rápido. - O outro maior completou. - Mas conseguimos um bom dinheiro, foi até fácil roubar pelo caminho. - Eu hesitei um pouco, seria essas pessoas os ladroes? Até o momento eles não tinham me visto, coisa boa.


Deixei o chakra fluir pelo corpo para em seguida começar a fazer os selos. Meu foco estava no sujeitinho de aparência suja, ergui a água a transformando em gelo direcionando contra o homem, até o momento, consegui pegar suas pernas e abdômen, seguiu para peito até o pescoço, uma estatua congelada; nada mal.


Saltei em direção ao chão, merda molhei minha sandália. Olhei para o homem e disse calmamente. - Se entreguem e não irei recorrer a força. - Eu já tinha congelado o mal cheiroso e sujo, mas esqueça sobre os pequenos detalhes. - Tudo bem, me rendo. - Por um breve momento sorrir. Então quatros silhuetas me cercaram, merda.  - Me ajudem, me soltem. - Gritou, a cala a boca.


O segredo para se lutar quando esta cercado é manter o movimento; Ergui a mão e teci os selos necessários, não iria me dar o luxo de deixar a água me atrapalhar. Dei um breve salto ficando em cima da água. Como disse truque da luta contra vários agressores é evitar combate-los todos ao mesmo tempo. Diferente dos filmes, esses cara não vão fazer fila para corta minha garganta. Saltei em um semicírculo em torno deles, até que o mais próximo a mim se aproximou sem perceber dos outros dois. levou apenas um segundo para eles se decidirem a formação, mas isso é suficiente. Mirei um ponta pé na virilha do infeliz que estava mais próximo, ele cai. Poderia dar mais um golpe, mas não tenho tempo. Uso seu corpo como plataforma e desfiro um chute no rosto do segundo, certo por pouco eu erro, mas o importante era que acertei. Assim que o acerto já começo a tecer os selos, o alvo? Tudo a minha volta, okay, apenas a água.


Finalmente estava acabado. Ergui o corpo, olhando em volta o mais alto ainda estava ali parado. - Não vai me atacar? - Perguntei. Ele simplesmente disse que já havia se rendido. Curioso não? Depois disso voltei para aldeia, se eu capturei algum deles? Bem, não estava homologado que deveria ter feito isso, talvez futuramente. Se bem que ia demorar um pouco para que eles se livrassem do gelo.










Hp:200
CK:530
ST:200



Jutsu usado:


Hyōrō no Jutsu
Rank: C
Classe: Ninjutsu
Descrição: Esta técnica permite ao usuário infundir seu chakra com gelo no chão e trazê-lo para a superfície. O usuário pode, então, prender o seu adversário dentro do gelo, controlando os seus movimentos e envolve-lo completamente no gelo. É forte o suficiente para suportar as técnicas Katon de mesmo rank, porque o gelo já foi infundido com chakra do usuário. O usuário também pode cercar-se com a prisão de gelo para agir como um escudo.


Mizu no Kinobori (Andar na Água)
Rank: D
Classe: Ninjutsu
Descrição: Concentrando chakra nas solas do pés, o ninja pode andar na água como se tivesse andando no chão, diferentemente do Kinobiri essa técnica é mais complexa pois não é só necessário concentrar o Chakra no pés é necessário manter um fluxo constante nos pés formando uma espécie de "perna-de-pau" de Chakra embaixo d'água.


Kabenobori (Escalar)
Rank: E
Classe: Ninjutsu
Descrição: Concentrando chakra na palma da mão, o ninja pode se prender em qualquer superfície, como uma espécie de "ventosa de chakra" na mão.


Kinobori (Andar)
Rank: E
Classe: Ninjutsu
Descrição: Concentrando chakra nas solas do pés, o ninja pode escalar árvores, paredes, além de outras superfícies, sem usar as mãos e sem cair, pois fica com os pés grudados.




missão:
Ladrões nos arredores
Rank: D
Descrição: Soube-se que um grupo de bandidos anda roubando os moradores das pequenas vilas próximas, sua missão é encontrar e enfrentar o grupo.
Locais: Tópicos dos Arredores da Aldeia



Lembra-te que és mortal!
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Jennifer em 28/7/2016, 11:02


Strong!
 
"Destino"
Depois de uma boa caminhada em meio ao cenário que se expande aos olhos da jovem de cabelos vermelhos, uma floresta tomava conta dos arredores, e não era uma floresta com um chão firme e árvores retas em direção ao céu, era uma floresta úmida e encharcada com suas árvores sem um padrão que se entrelaçavam entre si buscando qualquer espaço que conseguir. O caminho era difícil e não tinha como não seguir por ele, se Jennifer quiser realmente alcançar seus objetivos, terá de trilhar esse caminho mesmo que pareça ser uma péssima escolha. -- Eu estava seguindo em direção ao País do Vento, e pelo que sei o País do Fogo fica antes dessa minha jornada, embora nunca tenha estado de fato do outro lado do oceano, esse é o momento de adquirir novas experiências. Com sua determinação de ferro a jovem atravessa o pântano seguindo rumo a costa do País da Água, onde trilha seu caminho em busca de uma maneira se seguir para o outro lado do oceano, em direção a vila de Konoha.

HP: 400
CH: 600
ST: 200


avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Kai em 28/7/2016, 20:53



O território pelo qual eu e os mercadores passaríamos era de difícil acesso, musgos e lodo para todo o lado, além da névoa incessante que até mesmo por ali se estendia. Cuidar onde pisava era essencial, alertei os mercadores a respeito de possíveis ataques enquanto atravessavam o pântano, era bom provável que algum engraçadinho se aproveitasse já que estávamos concentrados em acertar o passo.

Nesse caminho eu desfiz meu Henge e expliquei minha aparição aos clientes, nada muito profundo, apenas o suficiente para que soubessem que estavam sendo guiados por um ex-chunnin. Não sabia bem o número exato de pessoas que vinham comigo, mas sabia que suas cargas eram importantes, ajudei-os a encontrar o caminho mais seco possível entre as árvores para que não se dificultassem tanto. Enquanto os orientava a qual caminho seguir, avistei uma jovem falando sozinha em meio a mata, seus cabelos vermelhos eram mais do que prova real daquilo que eu via. Minha irmã, Uzumaki Jennifer. Já fazia um bom tempo que não a via, estava ansioso para que pudesse tê-la de volta sob meu campo de visão.

- Nee-chan! O que faz por aqui? Não era para estar em Suna? - Perguntei me aproximando de seu lado direito e ficando visível para a mesma, ainda cuidava da equipe de transportes.

Status:
HP: 300/400
CH: 840/2400
ST: 800/800

Missão:
Animais Exóticos
Classe: Contrabando
Descrição: Com a melhora do estilo de vida, as famílias começam a querer dar aos seus filhos animais de estimação que vão para além do típico cão ou gato. Visando imitar os ninjas, os garotos querem cobras e tigres! Quem lucra com isto é Hilda, que vende as criaturas. Ajude o transporte de um grupo de animais do continente até Kiri e seja recompensado.
Locais: Kirigakure no Sato, Ruas e Alamedas do Centro Comercial, Mar Chigiri, País do Fogo

Itens:

Manoplas de Metal
Descrição: Elas são um par de grandes manoplas , de metal — cada irmão usava uma — que também abrigava uma longa, corrente retrátil de shuriken correndo entre os dois, que é usada para ligar um inimigo e, em seguida, rasgar em pedaços. No caso da corrente de shuriken ser neutralizada, as manoplas têm também um mecanismo de libertação para liberar o usuário para ataques individuais com as garras afiadas nos dedos, envenenados para a letalidade adicional.
Notas: Correntes separadas e com veneno rank D em apenas uma delas;


Samehada
Descrição: Samehada (??; Literalmente significa "Pele de Tubarão") é uma grande espada senciente, comparável em tamanho ao Kubikiribocho. Ela é descrita como "a mais terrível de todas as sete espadas da névoa" e até ganhou o título de "Grande Espada" (??, Daito), acrescentando ainda mais em sua reputação temível.
Embora na maior parte é envolta por ataduras, a construção de Samehada é atípica na medida em que a lâmina real é constituída a partir de uma série de escalas de execução virada para baixo ao longo da totalidade do seu comprimento, até ao seu máximo, na base do qual está um pequeno crânio. Samehada cresce na proporção da quantidade de chakra que absorve fazendo com que suas escamas se tornem tão longas que elas finalmente lembram barbatanas de tubarão e sua boca, situada na ponta da lâmina se tornam ainda mais visíveis. Mantendo Samehada enrolada em ataduras, aparentemente ajuda a inibir este crescimento até um certo ponto.
Notas:- Samehada escolhe seu dono pelo "gosto" do chakra. No entanto, ela oferece certa repulsa a chakra Katon;
- Samehada pode absorver 200 pontos de chakra por post ao fazer contato físico suficiente com o oponente e transferi isso a seu portador, seja em forma de chakra ou em HP. Se for um Jinchuuriki ou Bijuu, ela absorve o dobro;
- Samehada gasta chakra contínuo de rank S de seu utilizador sempre que for utilizada;
- Na etapa de fusão, o portador ganha características da espada, tais como, absorver chakra por contato físico, estender picos espinhosos de seu corpo e rastrear chakra;
- Samehada pode repudir um portador projetado lâminas em seu cabo;
- Samehada tem personalidade própria e controlada/narrada pelo portador somente quando estiver sobre sua posse;
- Depois de algum tempo convivendo com seu portador, Samehada pode possuir a mesma assinatura de chakra que o dono, isso significa que aos sentidos de ninjas rastreadores será como o usuário ter um clone de seu chakra consigo;
- Samehada pode absorver chakra de técnicas de até seu rank;
- Samehada não fala, só rosna;

Organização das armas:
20 kunais: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
20 shurikens: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
1 fuuma shuriken: Selada nas minhas costas na altura em que meus dois braços podem alcançar
1 armadura de batalha shinobi: Selada inteiramente no meu peito
1 katana: Selada na parte direita do meu quadril
3 bombas de fumaça, 6 bombas de luz, 7 papeis bomba, 5 chaveiros explosivos, 2 bombas de cheiro: Selados no pedaço de pergaminho guardado na parte direita do meu quadril
70m de fios de aço, pílulas, guizos e talismã selador de olho: Guardadas em minha pochete na perna direita
2 pergaminhos de invocação: Guardados sob a faixa em minha cintura
3 kunais de 2 pontas: Guardadas sob a faixa em minha cintura


Ficha | Criações | Casa


- 7 Espadachins da Névoa
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Shirou Emiya em 29/7/2016, 09:34



Recomeço

Eu havia acabado de sair da prisão e pretendia encontrar com Kai no ponto combinado. Tratei de usar o Henge e me disfarçar como um gennin qualquer de Kiri, com muita cautela para não ser visto. Fui andando pelos Mangues com atenção.







Status:
HP: 250/400
CH: 600/1600
ST: 400/400


Equipamentos:

Nome da arma: Ganjiang Moye Swords
Descrição: São duas espadas de pequeno porte (são pouco maiores do que adagas). Uma delas, a que Shirou segura em sua mão esquerda, possui a lâmina na cor branca e o punhal na cor preta e branca. A outra, Shirou usa em sua mão dominante (direita), possui a lâmina na cor preta com detalhes vermelhos e o punhal é de cor preta e uma pequena parte em branco. As espadas são carregadas nas costas e são extremamente resistentes.
Nota¹: A espada branca pode causar dano elétrico, mas o usuário precisa fornecer chakra e precisa possui o elemento Raiton.
Nota²: A espada preta e vermelha pode causar dano de fogo, mas o usuário precisa fornecer chakra e possuir o elemento Katon.

Ninjutsu Usado:
Henge no Jutsu (Técnica de Transformação)
Rank: E
Classe: Ninjutsu
Selos: Bode
Descrição: Um ninja a usa para virar outra coisa copiando perfeitamente a aparência, se escondendo, enganando os outros, mas se o usuário for atingido, o jutsu será desfeito.




avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Kai em 29/7/2016, 11:39


Enquanto esperava uma resposta de Jennifer, percebi outra se aproximando, um genin que inexplicavelmente aparecera ali. Desconfiado fitei-o enquanto vinha em minha direção, acreditei por um momento se tratar de algum ANBU disfarçado e não baixei a guarda por um único segundo. - Quem é você? - Ponderei, analisando-o de ponta a ponta, já levando a mão em minha cintura pronto para invocar minha katana.

Status:
HP: 300/400
CH: 840/2400
ST: 800/800

Missão:
Animais Exóticos
Classe: Contrabando
Descrição: Com a melhora do estilo de vida, as famílias começam a querer dar aos seus filhos animais de estimação que vão para além do típico cão ou gato. Visando imitar os ninjas, os garotos querem cobras e tigres! Quem lucra com isto é Hilda, que vende as criaturas. Ajude o transporte de um grupo de animais do continente até Kiri e seja recompensado.
Locais: Kirigakure no Sato, Ruas e Alamedas do Centro Comercial, Mar Chigiri, País do Fogo

Itens:

Manoplas de Metal
Descrição: Elas são um par de grandes manoplas , de metal — cada irmão usava uma — que também abrigava uma longa, corrente retrátil de shuriken correndo entre os dois, que é usada para ligar um inimigo e, em seguida, rasgar em pedaços. No caso da corrente de shuriken ser neutralizada, as manoplas têm também um mecanismo de libertação para liberar o usuário para ataques individuais com as garras afiadas nos dedos, envenenados para a letalidade adicional.
Notas: Correntes separadas e com veneno rank D em apenas uma delas;


Samehada
Descrição: Samehada (??; Literalmente significa "Pele de Tubarão") é uma grande espada senciente, comparável em tamanho ao Kubikiribocho. Ela é descrita como "a mais terrível de todas as sete espadas da névoa" e até ganhou o título de "Grande Espada" (??, Daito), acrescentando ainda mais em sua reputação temível.
Embora na maior parte é envolta por ataduras, a construção de Samehada é atípica na medida em que a lâmina real é constituída a partir de uma série de escalas de execução virada para baixo ao longo da totalidade do seu comprimento, até ao seu máximo, na base do qual está um pequeno crânio. Samehada cresce na proporção da quantidade de chakra que absorve fazendo com que suas escamas se tornem tão longas que elas finalmente lembram barbatanas de tubarão e sua boca, situada na ponta da lâmina se tornam ainda mais visíveis. Mantendo Samehada enrolada em ataduras, aparentemente ajuda a inibir este crescimento até um certo ponto.
Notas:- Samehada escolhe seu dono pelo "gosto" do chakra. No entanto, ela oferece certa repulsa a chakra Katon;
- Samehada pode absorver 200 pontos de chakra por post ao fazer contato físico suficiente com o oponente e transferi isso a seu portador, seja em forma de chakra ou em HP. Se for um Jinchuuriki ou Bijuu, ela absorve o dobro;
- Samehada gasta chakra contínuo de rank S de seu utilizador sempre que for utilizada;
- Na etapa de fusão, o portador ganha características da espada, tais como, absorver chakra por contato físico, estender picos espinhosos de seu corpo e rastrear chakra;
- Samehada pode repudir um portador projetado lâminas em seu cabo;
- Samehada tem personalidade própria e controlada/narrada pelo portador somente quando estiver sobre sua posse;
- Depois de algum tempo convivendo com seu portador, Samehada pode possuir a mesma assinatura de chakra que o dono, isso significa que aos sentidos de ninjas rastreadores será como o usuário ter um clone de seu chakra consigo;
- Samehada pode absorver chakra de técnicas de até seu rank;
- Samehada não fala, só rosna;

Organização das armas:
20 kunais: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
20 shurikens: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
1 fuuma shuriken: Selada nas minhas costas na altura em que meus dois braços podem alcançar
1 armadura de batalha shinobi: Selada inteiramente no meu peito
1 katana: Selada na parte direita do meu quadril
3 bombas de fumaça, 6 bombas de luz, 7 papeis bomba, 5 chaveiros explosivos, 2 bombas de cheiro: Selados no pedaço de pergaminho guardado na parte direita do meu quadril
70m de fios de aço, pílulas, guizos e talismã selador de olho: Guardadas em minha pochete na perna direita
2 pergaminhos de invocação: Guardados sob a faixa em minha cintura
3 kunais de 2 pontas: Guardadas sob a faixa em minha cintura


Ficha | Criações | Casa


- 7 Espadachins da Névoa
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Shirou Emiya em 29/7/2016, 16:11



Recomeço

Uma vez que escutei uma voz, voltei-me para a direção do som e dei de cara com a ilustre presença de Kai.

- Ei, Kai, sou eu, Shirou... - falei sussurrando - Eu fui interrogado lá na prisão de Kiri, eles estão atrás de você, tome cuidado. Mas me diga, como está o andamento do plano?

Enquanto eu conversava, olhava para os lados para garantir que não estaria sendo seguido ou observado.







Status:
HP: 250/400
CH: 590/1800
ST: 400/400


Equipamentos:

Nome da arma: Ganjiang Moye Swords
Descrição: São duas espadas de pequeno porte (são pouco maiores do que adagas). Uma delas, a que Shirou segura em sua mão esquerda, possui a lâmina na cor branca e o punhal na cor preta e branca. A outra, Shirou usa em sua mão dominante (direita), possui a lâmina na cor preta com detalhes vermelhos e o punhal é de cor preta e uma pequena parte em branco. As espadas são carregadas nas costas e são extremamente resistentes.
Nota¹: A espada branca pode causar dano elétrico, mas o usuário precisa fornecer chakra e precisa possui o elemento Raiton.
Nota²: A espada preta e vermelha pode causar dano de fogo, mas o usuário precisa fornecer chakra e possuir o elemento Katon.

Ninjutsu Usado:
Henge no Jutsu (Técnica de Transformação)
Rank: E
Classe: Ninjutsu
Selos: Bode
Descrição: Um ninja a usa para virar outra coisa copiando perfeitamente a aparência, se escondendo, enganando os outros, mas se o usuário for atingido, o jutsu será desfeito.




avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Kai em 29/7/2016, 17:23


Desconfiei por um momento da breve aparição do rapaz, seria mal se o mesmo não fosse Shirou Emiya disfarçado no molde de um Henge no Jutsu. Meus dedos se aliviaram e eu tornei a diminuir o peso dos ombros, embora ainda ficasse atento aos meus arredores. - Ah, olá Shirou. - Apesar de estar aparentemente bem, seu comentário sobre a prisão momentânea atiçou minha curiosidade e intuição, provavelmente estariam me buscando pelos quatro cantos do País agora. - Sim. Conseguimos a Hiramekarei. - Falei baixo. - Mas ela está quebrada, vou ter que dar um jeito nisso mais tarde, saco... Mas antes preciso que veja isso.

Com a mão direita, retirei o bilhete que havia apanhado no pombo correio que se encontrava em minha mão esquerda, protegido pela manopla de metal, e o mostrei à Shirou para que pudesse lê-lo com calma. Esperei que pudesse terminá-lo para então cruzar ao seu lado, sussurrando um conjunto de instruções que tomaríamos a partir daquela mensagem. Em seguida manejei com cuidado a perna do pássaro para retirar o tubinho que carregava a mensagem e entregá-lo à Shirou junto de uma kunai de duas pontas. - Duas gotas é o suficiente. - Instiguei-o para que compreendesse a ligação dos itens e colocasse seu sangue naquele recipiente.

Utilizei do tempo de espera para fazer algo parecido com outra kunai de duas pontas, deslizei sua lamina na ponta de meu dedo para fazer um pequeno corte e com ele manchá-lo no verso da mensagem recebida. Descrevi meus cumprimentos ao corajoso rapaz que me escreveu aquilo e escrevi algo embaixo, finalizando em um novo espaço para descrever o passo a passo do aprendizado de uma técnica minha, o Rasengan. "Acredito que isso sirva". Feito isso, enrolei a mensagem ao pé da ave segurando por um pedaço de fio de aço que havia cortado. Não me restava muito agora a não ser esperar o procedimento de Shirou.

Fiz os selos de mão novamente necessários para o Henge e voltei a me disfarçar como um genin de Kirigakure, de cabelos negros e olhos de mesma cor, nada muito chamativo.

Status:
HP: 295/400
CH: 830/2400
ST: 800/800

Itens usados: 2 kunais de duas pontas, 10 cm de fios de aço

Considerações:
- Passei a mensagem ao narrador (hitomi)

Jutsus usados:
Henge no Jutsu (Técnica de Transformação)
Rank: E
Classe: Ninjutsu
Selos: Bode
Descrição: Um ninja a usa para virar outra coisa copiando perfeitamente a aparência, se escondendo, enganando os outros, mas se o usuário for atingido, o jutsu será desfeito.

Missão:
Animais Exóticos
Classe: Contrabando
Descrição: Com a melhora do estilo de vida, as famílias começam a querer dar aos seus filhos animais de estimação que vão para além do típico cão ou gato. Visando imitar os ninjas, os garotos querem cobras e tigres! Quem lucra com isto é Hilda, que vende as criaturas. Ajude o transporte de um grupo de animais do continente até Kiri e seja recompensado.
Locais: Kirigakure no Sato, Ruas e Alamedas do Centro Comercial, Mar Chigiri, País do Fogo

Itens:

Manoplas de Metal
Descrição: Elas são um par de grandes manoplas , de metal — cada irmão usava uma — que também abrigava uma longa, corrente retrátil de shuriken correndo entre os dois, que é usada para ligar um inimigo e, em seguida, rasgar em pedaços. No caso da corrente de shuriken ser neutralizada, as manoplas têm também um mecanismo de libertação para liberar o usuário para ataques individuais com as garras afiadas nos dedos, envenenados para a letalidade adicional.
Notas: Correntes separadas e com veneno rank D em apenas uma delas;


Samehada
Descrição: Samehada (??; Literalmente significa "Pele de Tubarão") é uma grande espada senciente, comparável em tamanho ao Kubikiribocho. Ela é descrita como "a mais terrível de todas as sete espadas da névoa" e até ganhou o título de "Grande Espada" (??, Daito), acrescentando ainda mais em sua reputação temível.
Embora na maior parte é envolta por ataduras, a construção de Samehada é atípica na medida em que a lâmina real é constituída a partir de uma série de escalas de execução virada para baixo ao longo da totalidade do seu comprimento, até ao seu máximo, na base do qual está um pequeno crânio. Samehada cresce na proporção da quantidade de chakra que absorve fazendo com que suas escamas se tornem tão longas que elas finalmente lembram barbatanas de tubarão e sua boca, situada na ponta da lâmina se tornam ainda mais visíveis. Mantendo Samehada enrolada em ataduras, aparentemente ajuda a inibir este crescimento até um certo ponto.
Notas:- Samehada escolhe seu dono pelo "gosto" do chakra. No entanto, ela oferece certa repulsa a chakra Katon;
- Samehada pode absorver 200 pontos de chakra por post ao fazer contato físico suficiente com o oponente e transferi isso a seu portador, seja em forma de chakra ou em HP. Se for um Jinchuuriki ou Bijuu, ela absorve o dobro;
- Samehada gasta chakra contínuo de rank S de seu utilizador sempre que for utilizada;
- Na etapa de fusão, o portador ganha características da espada, tais como, absorver chakra por contato físico, estender picos espinhosos de seu corpo e rastrear chakra;
- Samehada pode repudir um portador projetado lâminas em seu cabo;
- Samehada tem personalidade própria e controlada/narrada pelo portador somente quando estiver sobre sua posse;
- Depois de algum tempo convivendo com seu portador, Samehada pode possuir a mesma assinatura de chakra que o dono, isso significa que aos sentidos de ninjas rastreadores será como o usuário ter um clone de seu chakra consigo;
- Samehada pode absorver chakra de técnicas de até seu rank;
- Samehada não fala, só rosna;

Organização das armas:
20 kunais: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
20 shurikens: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
1 fuuma shuriken: Selada nas minhas costas na altura em que meus dois braços podem alcançar
1 armadura de batalha shinobi: Selada inteiramente no meu peito
1 katana: Selada na parte direita do meu quadril
3 bombas de fumaça, 6 bombas de luz, 7 papeis bomba, 5 chaveiros explosivos, 2 bombas de cheiro: Selados no pedaço de pergaminho guardado na parte direita do meu quadril
70m de fios de aço, pílulas, guizos e talismã selador de olho: Guardadas em minha pochete na perna direita
2 pergaminhos de invocação: Guardados sob a faixa em minha cintura
3 kunais de 2 pontas: Guardadas sob a faixa em minha cintura


Ficha | Criações | Casa


- 7 Espadachins da Névoa
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Shirou Emiya em 29/7/2016, 18:08



Recomeço

Fiz tudo que Kai pedira, eu já sabia todo o plano e para quê tudo serviria. Mordisquei meu dedo indicador e o pressionei perto do pequeno frasco, fazendo gotejar cinco, talvez mais, gotas de meu sangue, apenas por precaução. Lacrei o pequeno frasco e entreguei-o na mão de Kai.

- Aqui está! - falei - Agora, eu vou indo, se precisar de um lugar para dormir, vá até minha casa. Daqui a alguns dias eu voltarei nessa região para lhe encontrar. Vê se não morre!

Por fim, sai pulando de galho em galho até a entrada de Kiri, despedindo-me de Kai com um gesto com as mãos.







Status:
HP: 240/400
CH: 590/1800
ST: 400/400


Equipamentos:

Nome da arma: Ganjiang Moye Swords
Descrição: São duas espadas de pequeno porte (são pouco maiores do que adagas). Uma delas, a que Shirou segura em sua mão esquerda, possui a lâmina na cor branca e o punhal na cor preta e branca. A outra, Shirou usa em sua mão dominante (direita), possui a lâmina na cor preta com detalhes vermelhos e o punhal é de cor preta e uma pequena parte em branco. As espadas são carregadas nas costas e são extremamente resistentes.
Nota¹: A espada branca pode causar dano elétrico, mas o usuário precisa fornecer chakra e precisa possui o elemento Raiton.
Nota²: A espada preta e vermelha pode causar dano de fogo, mas o usuário precisa fornecer chakra e possuir o elemento Katon.

Ninjutsu Usado:
Henge no Jutsu (Técnica de Transformação)
Rank: E
Classe: Ninjutsu
Selos: Bode
Descrição: Um ninja a usa para virar outra coisa copiando perfeitamente a aparência, se escondendo, enganando os outros, mas se o usuário for atingido, o jutsu será desfeito.




avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Kai em 29/7/2016, 19:00


Shirou seguiu com o procedimento e fez o passo a passo rapidamente, tanto que saiu correndo em seguida parecendo atrasado para algo. Tentei atrair sua atenção novamente estendendo o braço mas já era tarde, talvez os talismãs protetores de olhos devessem esperar mais um pouco. Abaixei o braço e então lembrei-me de algo a mais para incluir no transporte do pombo, retirei um pergaminho de invocação de minhas vestes e o inclui na ave com um novo pedaço de fio de aço, fiz o selo do tigre e então demarquei a parte de cima do rolo com um jutsu que recém havia criado. Busquei brevemente uma clareira entre as árvores, visualizei a posição do Sol e constatei de qual direção o pássaro viera. Meus braços se abriram para permitir que a criatura decolasse nesse sentido cardeal, esperava que a mensagem chegasse em breve.

Após isso, vou até Jennifer me despeço com um sorriso familiar. - Espero te encontrar em breve Nee-chan. Cuide-se! - Recolho meus itens e me afasto do local guiando os mercadores pela região desolada.

Status:
HP: 295/400
CH: 815/2400
ST: 800/800

Itens usados: 1 pergaminho de invocação, 40 cm de fios de aço

Jutsus usados:

Missão:
Animais Exóticos
Classe: Contrabando
Descrição: Com a melhora do estilo de vida, as famílias começam a querer dar aos seus filhos animais de estimação que vão para além do típico cão ou gato. Visando imitar os ninjas, os garotos querem cobras e tigres! Quem lucra com isto é Hilda, que vende as criaturas. Ajude o transporte de um grupo de animais do continente até Kiri e seja recompensado.
Locais: Kirigakure no Sato, Ruas e Alamedas do Centro Comercial, Mar Chigiri, País do Fogo

Itens:


Ficha | Criações | Casa


- 7 Espadachins da Névoa
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Senju Hitomi em 30/7/2016, 10:38


Narração

O pombo bateu asas e voou em direcção ao seu destino, carregando tudo aquilo que lhe fora incumbido de carregar.
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Jennifer em 30/7/2016, 21:11


Strong!
 
"Onii-san"
Já era tarde e o local ficava cada vez mais feio do que era quando ainda tinha sol, parece que esperar ali por uma direção acabou fazendo com que Jennifer encontrasse seu irmão que tinha duvidas referindo com o destino que era Sunagakure perante ao evento de graduação chunnin. Sem entender nada o que estava a acontecer entre seu irmão e um outro ser desconhecido pela jovem, Jennifer apenas permaneceu ali escutando as coisas que eram ditas pelos dois, mesmo sem entender nada o fato de estar com seu irmão valeria a pena. Se passando alguns minutos o estranho saia do local e parecia que Kai iria fazer o mesmo com um simples sorriso, até que Jennifer age com rapidez e segura a mão de seu irmão indo ao encontro do mesmo. -- Não vá embora novamente onii-san, eu preciso de sua ajuda para seguir o caminho correto para Konoha, preciso ir ao local Uzumaki de lá para encontrar algum proposito no sangue que carrego em minhas veias, ... e não me importo do que tenha feito, das escolhas que tenha tomado em todo esse tempo que ficou afastado de mim e de nossos pais, mais não me deixe sozinha novamente!! E se não for pedir muito, gostaria que você fosse o meu sensei, me treine e me faça uma arma em seu arsenal. Sem saber do que realmente se tratava, Jennifer só queria estar sempre ao lado de seu irmão custe o que custar, mesmo que sua liberdade como uma kunoichi com o nome limpo.

HP: 400
CH: 600
ST: 200


avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Kai em 30/7/2016, 23:50



Enquanto me retirava do local, senti algo me puxando para trás e me impedindo de prosseguir. Virei para o lado e então vi Jennifer segurando minha mão. Suas palavras que vieram a partir daquele momento me pegaram de surpresa, um sentimento que já não sentia há algum tempo voltou a ecoar em minha mente cansada, sentimento esse que somente podia ser proporcionado pelo afeto familiar, já quase havia esquecido o significado de ser uma "família".

- Nee-chan... - Minha mente retumbou aquela pequena frase: E não me importo do que tenha feito, das escolhas que tenha tomado em todo esse tempo que ficou afastado de mim e de nossos pais, mais não me deixe sozinha novamente!! Meus olhos quase encheram de lágrimas ao tentar lembrar de meus pais esquecidos, realmente minha irmã havia feito um pedido de surpresa. Enxuguei eles e então voltei a fitar a garota.

- Sim, claro... Venha comigo, vamos treinando no caminho. - Retomei a postura de alerta, precisava pois queria evitar de ser seguido, e então desbravei a mata acompanhando a jovem e escoltando a equipe de mercadores. - Por aqui.

Vou saindo da região ainda com o henge utilizado e esperando ir para o porto.

Status:
HP: 295/400
CH: 810/2400
ST: 800/800

Jutsus usados:
Henge no Jutsu (Técnica de Transformação)
Rank: E
Classe: Ninjutsu
Selos: Bode
Descrição: Um ninja a usa para virar outra coisa copiando perfeitamente a aparência, se escondendo, enganando os outros, mas se o usuário for atingido, o jutsu será desfeito.

Missão:
Animais Exóticos
Classe: Contrabando
Descrição: Com a melhora do estilo de vida, as famílias começam a querer dar aos seus filhos animais de estimação que vão para além do típico cão ou gato. Visando imitar os ninjas, os garotos querem cobras e tigres! Quem lucra com isto é Hilda, que vende as criaturas. Ajude o transporte de um grupo de animais do continente até Kiri e seja recompensado.
Locais: Kirigakure no Sato, Ruas e Alamedas do Centro Comercial, Mar Chigiri, País do Fogo

Itens:

Colete Chunnin
Descrição: Usado após a Quarta Guerra Mundial Ninja, estes coletes são verdes e usados pela Aliança Shinobi. Eles são simplesmente protetores de peito com ombreiras diminuídas com golas altas e uma alça através da cintura. O símbolo de Uzushiogakure é realocado para uma braçadeira que é utilizada de forma adicional no colete pelos Shinobi de Konoha.


Manoplas de Metal
Descrição: Elas são um par de grandes manoplas , de metal — cada irmão usava uma — que também abrigava uma longa, corrente retrátil de shuriken correndo entre os dois, que é usada para ligar um inimigo e, em seguida, rasgar em pedaços. No caso da corrente de shuriken ser neutralizada, as manoplas têm também um mecanismo de libertação para liberar o usuário para ataques individuais com as garras afiadas nos dedos, envenenados para a letalidade adicional.
Notas: Correntes separadas e com veneno rank D em apenas uma delas;


Samehada
Descrição: Samehada (??; Literalmente significa "Pele de Tubarão") é uma grande espada senciente, comparável em tamanho ao Kubikiribocho. Ela é descrita como "a mais terrível de todas as sete espadas da névoa" e até ganhou o título de "Grande Espada" (??, Daito), acrescentando ainda mais em sua reputação temível.
Embora na maior parte é envolta por ataduras, a construção de Samehada é atípica na medida em que a lâmina real é constituída a partir de uma série de escalas de execução virada para baixo ao longo da totalidade do seu comprimento, até ao seu máximo, na base do qual está um pequeno crânio. Samehada cresce na proporção da quantidade de chakra que absorve fazendo com que suas escamas se tornem tão longas que elas finalmente lembram barbatanas de tubarão e sua boca, situada na ponta da lâmina se tornam ainda mais visíveis. Mantendo Samehada enrolada em ataduras, aparentemente ajuda a inibir este crescimento até um certo ponto.
Notas:- Samehada escolhe seu dono pelo "gosto" do chakra. No entanto, ela oferece certa repulsa a chakra Katon;
- Samehada pode absorver 200 pontos de chakra por post ao fazer contato físico suficiente com o oponente e transferi isso a seu portador, seja em forma de chakra ou em HP. Se for um Jinchuuriki ou Bijuu, ela absorve o dobro;
- Samehada gasta chakra contínuo de rank S de seu utilizador sempre que for utilizada;
- Na etapa de fusão, o portador ganha características da espada, tais como, absorver chakra por contato físico, estender picos espinhosos de seu corpo e rastrear chakra;
- Samehada pode repudir um portador projetado lâminas em seu cabo;
- Samehada tem personalidade própria e controlada/narrada pelo portador somente quando estiver sobre sua posse;
- Depois de algum tempo convivendo com seu portador, Samehada pode possuir a mesma assinatura de chakra que o dono, isso significa que aos sentidos de ninjas rastreadores será como o usuário ter um clone de seu chakra consigo;
- Samehada pode absorver chakra de técnicas de até seu rank;
- Samehada não fala, só rosna;

Organização das armas:
20 kunais: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
20 shurikens: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
1 fuuma shuriken: Selada nas minhas costas na altura em que meus dois braços podem alcançar
1 armadura de batalha shinobi: Selada inteiramente no meu peito
1 katana: Selada na parte direita do meu quadril
3 bombas de fumaça, 6 bombas de luz, 7 papeis bomba, 5 chaveiros explosivos, 2 bombas de cheiro: Selados no pedaço de pergaminho guardado na parte direita do meu quadril
70m de fios de aço, pílulas, guizos e talismã selador de olho: Guardadas em minha pochete na perna direita
2 pergaminhos de invocação: Guardados sob a faixa em minha cintura
3 kunais de 2 pontas: Guardadas sob a faixa em minha cintura


Ficha | Criações | Casa


- 7 Espadachins da Névoa
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Shirou Emiya em 31/7/2016, 14:30




Eu andava pelos Mangues em uma das florestas presentes no território de Kiri. Meu objetivo era encontrar com Kai e realizar todo o planejamento. Fui andando tranquilamente, a natureza, aquele ambiente, fazia-me sentir bem, eu gostava de estar em um local sem a presença de muitas pessoas.

Por um breve momento, tive a vaga lembrança de Yui e tudo que havia acontecido antes, veio à tona. Ela deveria estar ali conosco, participando dos planos e nos ajudando a alcançar nossos objetivos em comum; ela fazia muita falta. Desabei completamente em lágrimas, minhas emoções por ter perdido ela ainda estavam a flor da pele, a ficha ainda não tinha caído e eu não podia admitir uma perda tão grande. Involuntariamente, meu Mangekyou Sharingan fora ativado, talvez por manifestação do que eu ainda sentia e de tudo que chegava em minha cabeça, tornando muito de meus pensamentos confusos. Mais imagens de Yui continuavam a surgir em minha mente, fazendo meu choro constante.

Em um desses momentos, pude ver a imagem de Chōjuro, o falecido Mizukage, em minha cabeça, ele sussurrava palavras perturbadoras em meu ouvido.

"Você é fraco! Não pode proteger seus únicos amigos! Eu matei Yui e Kai será o próximo..." - ele dizia enquanto sua voz ia se dispersando aos poucos em um eco aterrorizante.

Escutar isso era como perder minhas forças, aproximei-me de uma árvore e me escorei nela para não desabar no chão. Mas a voz dele não parava por aí.

"Não vai fazer nada? Vai continuar parado aí? Igual no dia em que a matei?" - sua voz ecoava, seguida de uma risada medonha.

Na sua segunda fala eu explodi, não consegui me conter, todas as minhas emoções já estavam me perturbando de um modo que me fazia perder o controle.

- Saia da minha cabeça agora, seu maldito! - gritei

No momento de grito, fiz um gesto para o lado com a mão, como se fosse afastar alguém, e ecoou na floresta um enorme estrondo de árvores se partindo. Aquele som me paralisou por uns instantes, pois estava extremamente perto de mim. Olhei para cima e vi um conjunto de árvores percorrendo os céus, desesperadas por sua vida. Olhei para frente e vi vários animais correndo na direção contrária a que eu estava, também zelando por sua vida. Por fim, olhei para o lado e, desta vez, enxerguei uma aura meio roxa/azul ao redor de mim. Algo parecido à costelas revestiam meu corpo. E logo a minha esquerda, braço com que fiz o gesto, uma mão feita de ossos, da mesma coloração, saia por entre as costelas. Ainda nessa mesma direção, incontáveis árvores estavam partidas e estateladas no chão, destruídas de forma brutal, provavelmente por aquele braço de ossos. Eu olhei novamente para o meu corpo, não podia acreditar que aquilo foi gerado por mim, era algo surpreendentemente poderoso.

Fiquei "brincando" com aquilo por um tempo e lembrei o que era. Quando eu visitei o armazém Uchiha em Konoha, peguei o pergaminho que continha essa técnica exclusiva do Mangekyou, era chamada "Susanoo". Resolvi desativar o susanoo, visto que aquele "desmatamento" poderia me acarretar alguns problemas. Logo em seguida, continuei a procurar a figura de Kai.








Status:
HP: 400/400
CH: 1300/1800
ST: 400/400


Considerações:
*Gasto referente ao jutsu reduzido em meio rank (o do MS não foi reduzido, conforme prevê a regra);
*Não sei se tem que aprender etapa por etapa e também não sei como funcionou quando o Hórus aprendeu. No entanto, na ficha dele, consta o rank "A~S" e acredito que foi tudo de uma vez. Isso deve valer pra mim também né?!;

Equipamentos:

Nome da arma: Ganjiang Moye Swords
Descrição: São duas espadas de pequeno porte (são pouco maiores do que adagas). Uma delas, a que Shirou segura em sua mão esquerda, possui a lâmina na cor branca e o punhal na cor preta e branca. A outra, Shirou usa em sua mão dominante (direita), possui a lâmina na cor preta com detalhes vermelhos e o punhal é de cor preta e uma pequena parte em branco. As espadas são carregadas nas costas e são extremamente resistentes.
Nota¹: A espada branca pode causar dano elétrico, mas o usuário precisa fornecer chakra e precisa possui o elemento Raiton.
Nota²: A espada preta e vermelha pode causar dano de fogo, mas o usuário precisa fornecer chakra e possuir o elemento Katon.

Doujutsu Usado:

Mangekyou Sharingan
Rank: S
Classe: Doujutsu
Descrição: Uma forma mais avançado do Sharingan. O Mangekyou Sharingan é o nível no qual o Shinobi (Ninja) pode usar seus melhores Jutsus com um simples cruzar de olhos, não dando chance do inimigo escapar. Nesse nível especial do Sharingan alguns Jutsus são desenvolvidos, porém somente nos mais habilidosos membros do Clã Uchiha, como Uchiha Itachi, uma dessas habilidades é a capacidade de poder invocar a Kyuubi no Youko, porém tamanho poder também traz uma conseqüência por seu uso prolongado, a cegueira, ou seja, quanto mais o membro do Clã Uchiha utilizar-se de seu Mangekyou Sharingan, mais perto da cegueira total ele estará.

Jutsu Aprendido:
Susanoo
Rank: A
Classe: Ninjutsu, Dōjutsu, Hijutsu
Descrição: O Susanoo é a terceira habilidade concedida para aqueles que despertam as habilidades de ambos Mangekyō Sharingan. Ele cria um ser humanoide gigantesco que envolve o usuário. Como uma das técnicas mais fortes concedidas aos que tenham adquirido o Mangekyō Sharingan, é a deidade guardiã do usuário, mas, ao mesmo tempo, consome a vida deste.
Quando ativado, o Susanoo se forma em torno do usuário e torna-se uma extensão de sua vontade, agindo e atacando em seu nome. De modo padrão, o Susanoo é ancorado ao seu usuário e eles a ele: em suas formas menos desenvolvidas que se acompanharão seu usuário ao redor deste; em suas formas mais completas o usuário fica suspenso dentro do Susanoo, se movendo a partir da entidade guiada pelo usuário. Esta conexão permite que Susanoo possa se proteger contra ataques físicos, uma vez que se torna mais difícil de penetrar em suas defesas quando este manifesta-se de forma mais completa. Caso seja danificado, Susanoo não se regenera e só pode ser reparado, avançando para a próxima fase do desenvolvimento ou por dispersão — e formando então um novo.
Embora o Susanoo seja bastante eficaz como meio de defesa, é capaz de distinguir o que será bloqueado. Por exemplo, o usuário pode realizar jutsu de dentro do Susanoo e os ataques vão passar atravessá-lo sem complicações. Outros podem ser trazidos para dentro do Susanoo com a permissão do usuário, e da mesma forma, os usuários podem escolher deixar o envoltório protetor do Susanoo. A última propriedade pode ser usada contra o usuário visto que no momento em que o Susanoo é permitido de ser atravessado, o oponente pode puxar o usuário para fora ou ligeiramente atacá-lo. Contudo, o Susanoo também só é capaz de defender ataques físicos, então o usuário ainda é vulneráveis a visuais ou ataques auditivos.
Desde o momento em que é ativado, Susanoo baseia-se no chakra do usuário em grandes quantidades. Sasuke Uchiha descreve a sensação de usar o Susanoo como sentir dor em todas as células de seu corpo, que só aumenta ao longo do tempo e em estágios de desenvolvimento mais elevados. Sendo uma habiliidade baseada no Mangekyō Sharingan, o Susanoo compromete os olhos do usuário o quanto mais for usado. No entanto, não é realmente necessário o Mangekyō Sharingan estar ativo enquanto estiver usando o Susanoo; de fato, Madara Uchiha é capaz de usá-lo até sem os próprios olhos.
Notas:- Requer Mangekyou Sharingan;
- O usuário deve descrever qual o nível da forma do susanoo ao lado do título da técnica (Ex: Susanoo - Estágio 1);
- Estágio Incompleto: Rank A. O usuário é apenas capaz de moldar partes separadas do Susanoo, bem como um casulo de ossos ao seu redor. Nesta forma há inúmeras brechas;
- Estágio 1: Rank A. O Usuário já consegue invocar o a parte de cima inteira do Susanoo, incluindo os braços, costela, peito, costas e cabeça. Por mais que o Guardião já possa adquirir músculos e pele, ele ainda possuí brechas para que ataques não sólidos atinjam o usuário, tais como água, vento, vapor e etc. Também é notado que "rajadas" de vento, água, fogo, areia e etc podem sim serem defendidas;
- Estágio 2: Rank A+. O Susanoo adquire pele e vestes protetoras. Neste estágio é possível modelar uma arma de assinatura para a criatura, que se mostra bastante resistente;
- Estágio 3: Rank S. O Susanoo adquire sua armadura, o que o torna quase invulnerável, contudo continua mantendo um ponto fraco abaixo dos pés do usuário, onde parece ser o único ponto não envolvido pelo Guardião;
- Estágio Perfeito: O Guardião se torna completo e perfeito, nesta forma ele ganha pernas e outros complementos o tornando invulnerável a qualquer ataque. A única maneira de atingir o usuário é quebrando o Susanoo.



avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Kai em 31/7/2016, 15:22


Antes mesmo de me retirar, um estrondo ecoava em minha retaguarda atraindo toda minha atenção para aquele ponto. - !!! - Olhei através dos galhos de árvores jogados para todos os lados e encontrei a figura Shirou entre eles, seu corpo era envolto por uma espécie de estrutura esquelética, afastando-o dos destroços que surgiam dali. "Mas que...?" Por sorte já estávamos ha uma boa distância da aldeia e talvez não atraísse a atenção de imediato de outros.

De qualquer forma continuei seguindo esperando que o garoto me encontrasse, até porque não era o único a viajar por ali, comigo haviam, além de Jennifer, os "mercadores", vulgo nome para os traficantes de animais que eram os clientes de minha missão.

Status:
HP: 295/400
CH: 805/2400
ST: 800/800

Jutsus usados:
Henge no Jutsu (Técnica de Transformação)
Rank: E
Classe: Ninjutsu
Selos: Bode
Descrição: Um ninja a usa para virar outra coisa copiando perfeitamente a aparência, se escondendo, enganando os outros, mas se o usuário for atingido, o jutsu será desfeito.

Missão:
Animais Exóticos
Classe: Contrabando
Descrição: Com a melhora do estilo de vida, as famílias começam a querer dar aos seus filhos animais de estimação que vão para além do típico cão ou gato. Visando imitar os ninjas, os garotos querem cobras e tigres! Quem lucra com isto é Hilda, que vende as criaturas. Ajude o transporte de um grupo de animais do continente até Kiri e seja recompensado.
Locais: Kirigakure no Sato, Ruas e Alamedas do Centro Comercial, Mar Chigiri, País do Fogo

Itens:

Colete Chunnin
Descrição: Usado após a Quarta Guerra Mundial Ninja, estes coletes são verdes e usados pela Aliança Shinobi. Eles são simplesmente protetores de peito com ombreiras diminuídas com golas altas e uma alça através da cintura. O símbolo de Uzushiogakure é realocado para uma braçadeira que é utilizada de forma adicional no colete pelos Shinobi de Konoha.


Manoplas de Metal
Descrição: Elas são um par de grandes manoplas , de metal — cada irmão usava uma — que também abrigava uma longa, corrente retrátil de shuriken correndo entre os dois, que é usada para ligar um inimigo e, em seguida, rasgar em pedaços. No caso da corrente de shuriken ser neutralizada, as manoplas têm também um mecanismo de libertação para liberar o usuário para ataques individuais com as garras afiadas nos dedos, envenenados para a letalidade adicional.
Notas: Correntes separadas e com veneno rank D em apenas uma delas;


Samehada
Descrição: Samehada (??; Literalmente significa "Pele de Tubarão") é uma grande espada senciente, comparável em tamanho ao Kubikiribocho. Ela é descrita como "a mais terrível de todas as sete espadas da névoa" e até ganhou o título de "Grande Espada" (??, Daito), acrescentando ainda mais em sua reputação temível.
Embora na maior parte é envolta por ataduras, a construção de Samehada é atípica na medida em que a lâmina real é constituída a partir de uma série de escalas de execução virada para baixo ao longo da totalidade do seu comprimento, até ao seu máximo, na base do qual está um pequeno crânio. Samehada cresce na proporção da quantidade de chakra que absorve fazendo com que suas escamas se tornem tão longas que elas finalmente lembram barbatanas de tubarão e sua boca, situada na ponta da lâmina se tornam ainda mais visíveis. Mantendo Samehada enrolada em ataduras, aparentemente ajuda a inibir este crescimento até um certo ponto.
Notas:- Samehada escolhe seu dono pelo "gosto" do chakra. No entanto, ela oferece certa repulsa a chakra Katon;
- Samehada pode absorver 200 pontos de chakra por post ao fazer contato físico suficiente com o oponente e transferi isso a seu portador, seja em forma de chakra ou em HP. Se for um Jinchuuriki ou Bijuu, ela absorve o dobro;
- Samehada gasta chakra contínuo de rank S de seu utilizador sempre que for utilizada;
- Na etapa de fusão, o portador ganha características da espada, tais como, absorver chakra por contato físico, estender picos espinhosos de seu corpo e rastrear chakra;
- Samehada pode repudir um portador projetado lâminas em seu cabo;
- Samehada tem personalidade própria e controlada/narrada pelo portador somente quando estiver sobre sua posse;
- Depois de algum tempo convivendo com seu portador, Samehada pode possuir a mesma assinatura de chakra que o dono, isso significa que aos sentidos de ninjas rastreadores será como o usuário ter um clone de seu chakra consigo;
- Samehada pode absorver chakra de técnicas de até seu rank;
- Samehada não fala, só rosna;

Organização das armas:
20 kunais: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
20 shurikens: Seladas no cano da parte superior da manopla de metal
1 fuuma shuriken: Selada nas minhas costas na altura em que meus dois braços podem alcançar
1 armadura de batalha shinobi: Selada inteiramente no meu peito
1 katana: Selada na parte direita do meu quadril
3 bombas de fumaça, 6 bombas de luz, 7 papeis bomba, 5 chaveiros explosivos, 2 bombas de cheiro: Selados no pedaço de pergaminho guardado na parte direita do meu quadril
70m de fios de aço, pílulas, guizos e talismã selador de olho: Guardadas em minha pochete na perna direita
2 pergaminhos de invocação: Guardados sob a faixa em minha cintura
3 kunais de 2 pontas: Guardadas sob a faixa em minha cintura


Ficha | Criações | Casa


- 7 Espadachins da Névoa
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Senju Hitomi em 31/7/2016, 15:38


Treino Aprovado!

Técnica Aprovada;
+50 de EXP (10 >> 60)
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Jennifer em 31/7/2016, 19:36


Strong!
 
"Novo caminho"
Seguindo junto ao seu irmão pela floresta úmida e bem feia, a jovem de cabelos vermelho se encontrava em paz e sua felicidade não tinha limites por seu irmão te-la aceitado em sua cruzada. Não demorando muito a caminhada deu rumo a um grupo de mercadores que até o momento não fazia o menor sentido para a jovem, e mesmo assim não queria saber. Se posicionando ao lado de seu irmão a jovem estava a observar tudo e esperava o ponto em que seu treinamento fosse começar, tendo seu irmão como sensei, mas isso também não era uma prioridade no momento. -- Quando nos reencontramos no portão de Kiri na véspera do exame de graduação chunnin em Suna, eu me perdi em auto mar por um bom tempo, até que finalmente consegui voltar a costa do País da Água, ... não sou muito boa com direções, eu ainda tenho aquele pergaminho com jutsu doton que me deu, não tive tempo de treina-lo corretamente. Contando o que aconteceu nesse meio tempo em que os dois ficaram separados, Jennifer buscava entender como seu irmão passou todo esse tempo dado como morto, mas não queria perguntar com medo de que segredos possam desfazer esse momento tão belo.

HP: 400
CH: 600
ST: 200


avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Megami em 7/10/2016, 16:31


A caminhada fora bastante proveitosa, alguns já estavam suando de tanto andarem, mas Ayako demonstrava-se disposta a todo o momento e não iria deixá-los descansarem por enquanto, havia muito que fazer ainda e moleza não estava em seu vocabulário. As árvores em nenhum momento atrapalhavam o grupo, a kunoichi conduzia todos os pacientes sempre olhando para frente para avisá-los de obstáculos que poderiam facilmente causar problemas.

A ninja se perguntava como o seu irmão Takashi estava se saindo em sua primeira missão, ambos foram juntos, mas não pegaram a mesma tarefa, cada um tinha missões distintas para cumprir, ela sempre desejou superar o irmão, invejando-o, mas isso não a abalava em nenhum momento, pois sabia que ele não queria ser Mizugake como ela, então estava tudo ótimo, apesar dele se aperfeiçoar nas coisas muito mais do que Ayako.

A caminhada até algum rio estava próxima, ela não iria descansar enquanto não encontrar nenhum sorriso pelo menos simplório no rosto daquelas crianças com semblantes cansados e tristes, eles não tinham muito tempo de vida, então precisavam aproveitá-la o máximo possível. Logo a frente já era possível visualizar um pequeno riacho coberto por manguezais, mas era extremamente perigoso para os pacientes, precisariam tomar o cuidado necessário para não se machucarem.

A morena logo convidou todas as crianças para observar aquele lugar maravilhoso, elas se sentaram em alguns troncos cobertos por musgos e começaram a observar o pequeno rio que ali se encontrava. – Estão vendo crianças? Não é maravilhoso? Vocês podem observar o quanto quiserem, mas peço que tomem cuidados, cair neste lago geraria algo gravíssimo. – exclamou preocupada com elas, ela sentia que devia protegê-los e entregar-lhes são e salvos.

Após algum tempo de descanso, Ayako acaba por perceber que já estava começando a ficar tarde, a ninja decidiu reunir novamente o grupo e então serem devolvidos ao hospital. Novamente as crianças reclamaram de dores nas pernas, mas elas tinham que continuar em frente, a vila já se aproximava e logo eles poderiam se recuperar totalmente.

Status
HP: 200/200
CH: 200/200
SP: 200/200

Missão:
Passeio com as crianças
Rank: D
Descrição: Uma jounin da equipe médica, aconselhou que algumas crianças internadas no hospital fizessem um passeio para tomar um ar fresco para auxiliar no tratamento contra o câncer. O passeio deve ser feito num curso de algum rio próximo a alguns quilômetros da vila. Cuidado com as crianças que estão enfraquecidas, qualquer ferimento à alguma delas ocasiona a falha da missão e a jounin acertará as contas com as próprias mãos.
Locais: Tópicos dos Arredores da Aldeia
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Tensei' em 19/10/2016, 15:20


Missão[1]
A primeira missão de um ninja, algumas vezes dita como a mais importante de sua vida pois sera ela que decidira seu futuro como shinobi. Não acredito nisso, afinal é apenas mais uma de centenas que um ninja de verdade terá de executar em sua vida, e certamente a minha primeira missão não era muito animadora. Procurar por um cogumelo para um guizado de uma festa de aniversario de uma velha, não é o tipo de missão que se tem em mente quando recebe a bandana e ganha o nome de ninja, mas no fundo eu sei que é exatamente essa velha que vai me pagar, ou seja, eu preciso achar esse cogumelo.

No pergaminho que mostrava a descrição da missão dizia que era um cogumelo raro, e que deveria me atentar as áreas próximas ao riacho, bem segui essas informações ao pé da letra e me dirigi para a área da floresta ao arredor de kiri onde tinha o maior numero de riachos. E realmente quando comecei a chegar em tal área percebi que mesmo sendo uma missão tediosa não seria nada fácil, pois o numero de cogumelos que havia avistado já passava de 3 e eu precisava encontrar um considerado raro. O cuidado necessário para andar pelos arredores dos riachos é grande, pois é preciso se preocupar a cada passo com a possibilidade de afundar em algum tronco deteriorado e acabar se machucando.

De fato minhas roupas largas ajudam na movimentação mas ao mesmo tempo é extremamente irritante ter que caminhar na floresta enquanto me preocupo com minha blusa enroscando em cada galho pontudo que passo. O tal cogumelo que eu devia encontrar deveria ter a coloração lilás em seu topo e até agora não havia visto nenhum com tal descrição. Amarelos, azuis, verdes e até mesmo laranjas, eu havia visto diversas cores mas nenhum que bate-se com a que eu procurava, estava se tornando realmente um fardo ter que achar isso. Não que meu semblante demonstra-se qualquer desanimo, pelo contrario eu continuava serio do mesmo modo que estava quando deixei o local de recebimento da missão.

Enquanto caminhava me preocupando com o chão em que pisava usei minha mão direita para segurar no tronco de uma arvore como apoio, era uma arvore grande e com o tronco cheio de musgos e no momento em que tirei a mão do tronco para continuar a caminhada algo chamou minha atenção. Bem de baixo de onde eu havia segurado pequenos pontos de coloração lilás brotavam, seria possivel? -Bem, acabei de aprender mais uma coisa. Cogumelos podem nascer em troncos de arvores, isso é bom.- E realmente era bom, pois assim que comecei a olhar ao redor do tronco daquela arvore consegui encontrar oque procurava.

De fato é um cogumelo raro e não muito fácil de se encontrar, mas assim que achei vi cerca de 8 ou 9 deles, todos lado á lado no tronco da arvore. Com o auxilio de uma Kunai para cortar o caule no inicio e assim não machuca-los muito retirei todos e coloquei em minha pochete. Agora me restava levar todos até a casa da velha, e quem sabe ela não me desse um pouco de guizado, eu estava com fome. Segui então para fora da floresta e rumo até a casa onde conseguiria completar minha missão, minha primeira missão.

HP: 200|200
CK: 200|200
ST: 200|200

Missão:
Ajude Dona Haruna em seu Aniversário
Rank: D
Descrição: Dona Haruna está planejando um jantar especial para o seu aniversário de 50 anos à dois meses. A data está perto, mas falta ainda um ingrediente muito especial para fazer seu guizado. Este ingrediente, um cogumelo, pode ser encontrado na floresta ao lado da Vila. Você tem que procurar ele, e em seguida levá-lo até a casa de Dona Haruna, mas preste atenção, na floresta há muitos cogumelos, e o da receita é raro de encontrar-se. Atente para a região próxima ao riacho.
Locais: Tópicos dos Arredores da Aldeia



Tensei
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Shirou Emiya em 5/12/2016, 20:56



The Return of Legacy

Caminhei tranquilamente pelos mangues de Kiri como um ninja comum, não gostaria de chamar atenção por enquanto. Procurei pistas por ali de algum suspeito que poderia ser responsável por incendiar as vilas próximas menores.





Status:
HP: 600/600
CH: 1760/2000
ST: 400/400


Considerações:
*Gasto referente aos jutsus correspondem a meio rank abaixo;
*Tudo não passam de tentativas;


Missão:
Piromania
Rank: C
Descrição: Alguém está incendiando várias vilas menores, comércios de estrada, fazendas tudo o que encontra pela frente, acreditamos ser algum ninja fora de si, e está utilizando suas técnicnas do elemento fogo para isso, você deve detê-lo para que não cause mais prejuízos e consequências graves.
Locais: Tópicos dos Arredores da Aldeia  

Mascote:

Nome: Killua
Espécie: Tigre
Raça: Tigre Byakko
HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 200/200

Equipamentos:

Nome da arma: Ganjiang Moye Swords
Descrição: São duas espadas de pequeno porte (são pouco maiores do que adagas). Uma delas, a que Shirou segura em sua mão esquerda, possui a lâmina na cor branca e o punhal na cor preta e branca. A outra, Shirou usa em sua mão dominante (direita), possui a lâmina na cor preta com detalhes vermelhos e o punhal é de cor preta e uma pequena parte em branco. As espadas são carregadas nas costas e são extremamente resistentes.
Nota¹: A espada branca pode causar dano elétrico, mas o usuário precisa fornecer chakra e precisa possui o elemento Raiton.
Nota²: A espada preta e vermelha pode causar dano de fogo, mas o usuário precisa fornecer chakra e possuir o elemento Katon.


Gunbai
Descrição: Um Gunbai (軍配; Literalmente significa "Arranjo do Exército") ou Gunbai Uchiha (軍配団扇; Literalmente significa "Leque do Arranjo do Exército") é um leque não dobrável, geralmente feito de madeira. Foi usado no Japão antigo por oficiais samurais para se comunicar com suas tropas. Hoje em dia, ele é usado pelos árbitros de partidas oficiais de sumô.


Kama
Descrição: A Kama é uma foice japonesa usada como uma arma. Tem um cabo curto e um bico pontiagudo com uma ponta afiada que inflige danos. Há também variações da Kama, como a Kusarigama, que tem uma cadeia ligada a ela para aumentar a seu alcance de ataque.  Ao contrário do seu uso tradicional pretendido, a Kama tem sido mais frequentemente observada a ser empregada por shinobi como uma arma de jogo em vez de uma de combate, em que toda a arma é lançada de modo a que ele gira acabar rapidamente sobre a extremidade, para aumentar a probabilidade de que a borda de lâmina ataque seu alvo.


Bisturi
Descrição: Um bisturi é um pequeno instrumento de lâmina extremamente afiada destinada a cortar através da pele, tendões e músculos. Ele é usado principalmente por iryō-nin, médicos, ou praticamente qualquer pessoa com conhecimentos médicos para realizar cirurgias. No entanto, devido à sua agudeza, ele também pode ser usado como uma arma potente contra o inimigo. Kabuto Yakushi tinha conhecimento para fazer isso em uma tentativa de matar Sasuke.



avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Fiora em 5/12/2016, 22:26



Narrador(a)

Horário: 15:00
Clima: Nublado, 13º C.
Umidade do Ar: Alta
Int. e Dir. do Vento: Fraco, Sul

O jovem caminhava por aquele imenso pântano, enfim não teria nenhum sinal de fogo, mas ainda teria de procurar já que estaria apenas na entrada, então logo ele adentraria lá atenção para que no mesmo fosse cercado pelas chamas, caso fosse ali mesmo que estivesse acontecendo o atentado citado na missão. Shirou ficaria a procura de alguma pista, nem a neblina o ajudava, mesmo estando fraca era difícil encontrar algo em um lugar daqueles, pelo menos com os seus olhos, andando mais alguns metros para o norte poderia se sentir o cheiro de uma fumaça, enfim teria encontrado algo, só deveria andar por mais alguns metros e talvez encontraria o que estaria a procura.

Considerações:
- Me desculpe pela demora...


Fiora
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Shirou Emiya em 6/12/2016, 11:40



The Return of Legacy

Coloquei o pequeno Tigre no chão e as mãos no bolso, agachando-me para falar com meu animalzinho. - Killua, quero que você fareje o rastro do fogo e me leve até o responsável, o homem que está incendiando e ferindo as pessoas das vilas próximas. Pode fazer isto por mim? - Solicitei ao pequeno tigre, considerando sua grande capacidade olfativa, não seria um problema para ele.





Status:
HP: 600/600
CH: 1760/2000
ST: 400/400


Considerações:
*Gasto referente aos jutsus correspondem a meio rank abaixo;
*Tudo não passam de tentativas;


Missão:
Piromania
Rank: C
Descrição: Alguém está incendiando várias vilas menores, comércios de estrada, fazendas tudo o que encontra pela frente, acreditamos ser algum ninja fora de si, e está utilizando suas técnicnas do elemento fogo para isso, você deve detê-lo para que não cause mais prejuízos e consequências graves.
Locais: Tópicos dos Arredores da Aldeia  

Mascote:

Nome: Killua
Espécie: Tigre
Raça: Tigre Byakko
HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 200/200

Equipamentos:

Nome da arma: Ganjiang Moye Swords
Descrição: São duas espadas de pequeno porte (são pouco maiores do que adagas). Uma delas, a que Shirou segura em sua mão esquerda, possui a lâmina na cor branca e o punhal na cor preta e branca. A outra, Shirou usa em sua mão dominante (direita), possui a lâmina na cor preta com detalhes vermelhos e o punhal é de cor preta e uma pequena parte em branco. As espadas são carregadas nas costas e são extremamente resistentes.
Nota¹: A espada branca pode causar dano elétrico, mas o usuário precisa fornecer chakra e precisa possui o elemento Raiton.
Nota²: A espada preta e vermelha pode causar dano de fogo, mas o usuário precisa fornecer chakra e possuir o elemento Katon.


Gunbai
Descrição: Um Gunbai (軍配; Literalmente significa "Arranjo do Exército") ou Gunbai Uchiha (軍配団扇; Literalmente significa "Leque do Arranjo do Exército") é um leque não dobrável, geralmente feito de madeira. Foi usado no Japão antigo por oficiais samurais para se comunicar com suas tropas. Hoje em dia, ele é usado pelos árbitros de partidas oficiais de sumô.


Kama
Descrição: A Kama é uma foice japonesa usada como uma arma. Tem um cabo curto e um bico pontiagudo com uma ponta afiada que inflige danos. Há também variações da Kama, como a Kusarigama, que tem uma cadeia ligada a ela para aumentar a seu alcance de ataque.  Ao contrário do seu uso tradicional pretendido, a Kama tem sido mais frequentemente observada a ser empregada por shinobi como uma arma de jogo em vez de uma de combate, em que toda a arma é lançada de modo a que ele gira acabar rapidamente sobre a extremidade, para aumentar a probabilidade de que a borda de lâmina ataque seu alvo.


Bisturi
Descrição: Um bisturi é um pequeno instrumento de lâmina extremamente afiada destinada a cortar através da pele, tendões e músculos. Ele é usado principalmente por iryō-nin, médicos, ou praticamente qualquer pessoa com conhecimentos médicos para realizar cirurgias. No entanto, devido à sua agudeza, ele também pode ser usado como uma arma potente contra o inimigo. Kabuto Yakushi tinha conhecimento para fazer isso em uma tentativa de matar Sasuke.



avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mangues e Pântanos

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum