Naruto Survival 4.0



 
CalendárioInícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Últimos assuntos
» Academia Ninja de Konoha
por Naoki Hoje à(s) 01:41

» Zona de Treinamento Avançando
por Kodahma Sano Hoje à(s) 01:31

» Fronteiras do País das Fontes Termais
por Naoki Hoje à(s) 00:43

» Pedido de Elemento Secundário/Terciário
por Survival Hoje à(s) 00:11

» Planícies e Florestas
por Kon Reeves Hoje à(s) 00:08

» Pedido de Elemento e Tipo Sanguíneo
por Survival Hoje à(s) 00:06

» Vila do Bambu
por Kon Reeves Hoje à(s) 00:03

» Banco de Atualizações Gerais
por Naoki Ontem à(s) 23:04

» Orfanato Kurama
por Naoki Ontem à(s) 23:03

Acesso Rápido
Quem está conectado
5 usuários online :: 4 usuários cadastrados, Nenhum Invisível e 1 Visitante :: 1 Motor de busca

Freed, Hatake Iori, Kon Reeves, Naoki

O recorde de usuários online foi de 39 em 2/10/2016, 21:50
Calendário do RPG
Primavera

Estação: Primavera
Ano: X020
Procurados
Parceiros
http://pt-br.naruto.wikia.com/wiki/Wiki_Naruto
RPG - Hogwarts SchoolFórum grátisShinki RPGPokéMytushttp://www.heroisdoolimporpg.com/Pokémon Agenda RPGhttp://poke-mythical.forumeiros.com/http://narutorpgakatsuki.com.br/

Nosso Banner









Tópicos similares

Compartilhe | 
 

 Floresta do Silêncio

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4
AutorMensagem
Survivalavatar
Exibir perfil



Mensagens : 5493
Data de inscrição : 06/12/2014
Localização : Naruto Survival

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
0/0  (0/0)
Reputação Reputação: 0
MensagemAssunto: Floresta do Silêncio   26/11/2015, 10:15

Relembrando a primeira mensagem :



Floresta do Silêncio

Escondida em um vale rochoso há uma distância razoável da vila da névoa está a Floresta do Silêncio. Graças ao relevo que a cerca a neblina não consegue chegar até lá, tornando-o uma maravilha natural. É um local paradisíaco com um riacho com pedras em seu centro, é cercado por uma mata nativa repleta de pequenos animais. Normalmente não há nenhum predador ou criatura perigosa por ali, tronando-o um ponto tranquilo digno do nome que carrega.

A história do local é um tanto quanto contraditória com o que ele parece representar. Cerca de cem anos atrás ocorreu uma grande batalha naquele vale deixando centenas de mortos e pintando-o de sangue. As pessoas começaram a evitar o local pelas lembranças que ele representava, com o tempo se tornou um hábito ninguém aparecer por la.

Fonte: Naruto Project

Citação :
Fluxo do Rio Yosuga

Vem de: Desfiladeiro Yosuga


Última edição por ADM.Survival em 16/4/2016, 23:25, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto-survival.forumeiros.com

AutorMensagem
Hatake Ioriavatar
Exibir perfil



Alcunha Lupino Branco
Narrações mais Rápidas Avaliações/Atualizações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Taijutsu Mestre do Kenjutsu Konoha | Nukenin | C
Mensagens : 1736
Data de inscrição : 15/07/2016
Idade : 23

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
1005/1050  (1005/1050)
Reputação Reputação: -21 - Delinquente
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   13/1/2017, 03:05

Aprovado

+ 25 Pontos em Experiência;
+ 1 Ponto em Controle de Chakra;
+ 1 Ponto em Constituição Mental;

Não se esqueça dos Status, em todos os tópicos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário conectado
Urakaze Yukaavatar
Exibir perfil



Kiri | Genin
Mensagens : 36
Data de inscrição : 05/12/2016
Idade : 19

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
55/250  (55/250)
Reputação Reputação: +2
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   5/2/2017, 23:09

Treino de Controle de Chakra e Constituição Mental

No caminho de volta, Yuka pensou melhor se iria para casa naquele momento sim ou não e ela sabia que estava atrasada com seus treinos e com o andar da carruagem ela demoraria muito para alcançar os objetivos que tanto queria em sua vida ninja. Então decidiu que não faria corpo mole e no meio do caminho voltou para aonde acabara de fazer seu treino e disse a si mesma que voltaria à aquela floresta mais vezes, pois de fato, adorou o lugar, optou por treinar novamente seu Controle de Chakra e Constituição Mental.
Fez mais uma vez seu pequeno “ritual”, sentou na pedra que outrora havia sentado, cruzou as pernas, colocou as mãos em cima delas, fechou seus olhos, respirou fundo, sentiu o vento bater em seu rosto, focou no som dos pássaros… Esperou alguns minutos .. E lá estava ela mais uma vez, naquele mundo em sua mente onde ela sentia que era capaz de tudo, viajou de novo nas dimensões mais profundas de sua mente e a maioria das coisas que Yuka tinha visto nas outras vezes que meditou apareceram novamente..
As formas estranhamente geométricas, os fechos de luz, as cores estavam um tanto quanto mais intensas em comparação com as das outras vezes em que ela as tinha visto, Yuka achou aquilo magnifico.. Nunca iria enjoar de ver aqueles fechos nem as suas lindas cores e de novo saiu de seu corpo, ela sabia que não tinha “acordado” mas se via de fora e ela encolhia e aumentava, se esticava, tudo ficava em preto e branco, depois voltava ao normal, ela se assustou um pouco com o que estava acontecendo e realmente não entendeu o porque daquilo mas ficou despreocupada até porque ela sabia também que aquilo era apenas uma meditação e sabia que em sua mente, tudo poderia acontecer e em instantes, Yuka estava de volta ao seu corpo, porém ao olhar para frente havia uma espécie de clone ali, na verdade, não era bem um clone e sim um espelho e ela o tocou e viu seu reflexo fazer o mesmo, então fez vários gestos e do nada seu reflexo saiu do espelho dando um susto  em Yuka…
…  e ela despertou.
Disse em voz alta:
- Preciso ir devagar com essa coisa de meditação.. Meu Deus, que susto..
Respirou fundo de novo e se levantou. Para o seu treino de controle de Chakra escolheu o Ninjutsu Kabenobori, ela foi para a frente de uma árvore, fechou os olhos e concentrou um pouco de seu Chackra nas mãos, quando sentiu que estava na hora ela colocou as mãos na árvore e começou a se mover como se estivesse “Plantando Bananeira”, porém , de lado. Yuka achou engraçado e riu mas isso a desconcentrou e ela caiu com tudo no chão.
- Aiii ! Essa doeu ..
Levantou-se e passando a mão aonde estava doendo, ficou de novo em frente a árvore e concentrou seu Chakra nas mãos, colocou as mesma na árvore e colocando uma mão na frente da outra escalou foi bem mais longe dessa vez mas de novo caiu.
- … Arrgh !!
Ignorando a dor da queda e com o semblante igual ao de uma pessoa levemente irritada, na terceira vez ela sabia que iria conseguir, parou de novo em frente a árvore, concentrou um pouco  mais de Chakra, apoiou as mãos na árvore, fez força para inclinar seu corpo e começou a se mover e lá estava ela, escalando a árvore, quando deu por si, já estava no topo.
- Isso ! Isso ! Consegui !
Deu um salto e caiu perfeitamente em pé, ela estava a muito tempo fora de casa, precisava voltar, seus pais com certeza estariam preocupados e assim ela o fez.
Status:
 

Ninjutsu:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mugen'avatar
Exibir perfil



Avaliações mais Imparciais Maior Atividade
Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Kumo | Genin
Mensagens : 1148
Data de inscrição : 16/02/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
165/850  (165/850)
Reputação Reputação: +19 - Neutro
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   6/2/2017, 13:10

Treinamento sucedido

+25 XP (Level UP)
+1 Constituição Mental
+1 Controle de Chakra
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Senaavatar
Exibir perfil



Kiri | Genin
Mensagens : 225
Data de inscrição : 03/02/2017

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
280/450  (280/450)
Reputação Reputação: +9
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   23/2/2017, 19:06

Enquanto caminho até a Floresta do Silêncio, desativo meu Genjutsu usado na Praia dos Rochedos, e então um paparazzi surge e nota os atores, e então se aproxima. Eu logo noto, pois neste momento eu estava lendo o pergaminho do Jutsu que comprei em Kiri, o Genjutsu da Palavra Pronunciada, noto muitas coisas legais neste Jutsu, como por exemplo o seu Rank, que é um Jutsu sem Rank, noto sua descrição, que segundo ela, trata-se um genjutsu muito forte que permite o usuário a colocar um oponente sob uma ilusão apenas palavras e a fala. Enquanto encontra-se sob os efeitos do genjutsu, o alvo pode ser facilmente influenciado pela sua vontade e autosegurança. Noto também que a ilusão não pode ser desfeita, ainda que a pessoa perceba que que o genjutsu está sob efeito, porém fortes conexões emocionais, como o amor, podem ajudar a dispersar a técnica.


Enfim, já sabendo como este Jutsu funciona, e percebendo que preciso começar a trabalhar, pois não posso deixar os paparazzi próximos dos atores, fecho e guardo o pergaminho dentro da minha BAG, e em seguida eu resolvo aprender este Jutsu, e testar ele ali naquele paparazzi, um ótimo cobaia. Foi dito e feito. Depois de ler o pergaminho, já pensei em um bom jeito de como usar aquele Jutsu, sendo assim, liberei cerca de 450 de meu Chakra para minha boca, e em seguida deixei tudo no centro dela. Aí me aproximei do paparazzi e disse: - Olá, então você está observando os atores. Legal, eu estou bem próximo deles, sabe, sou o guarda costas. Protejo eles de ninjas que possam tentar sequestrar eles. Você não é esse tipo de pessoa, né? Enquanto eu falava, fazia com que meu Chakra saísse da minha boca junto da minha voz, e então seguisse até o paparazzi, que ao chegar nele, entrava nos seus ouvidos junto da vibração da minha fala, e então ia para seu cérebro junto das vibrações das minhas palavras. Chegando ali, eu comecei a controlar os sentimentos dele, sem que ele pudesse perceber, porém, resolvi deixar ele responder à minha pergunta, que disse: - Não não, eu não vou tentar algo contra eles assim. Quero apenas ver eles, e registrar onde eles estão e o que estão fazendo.


Após ouvir o que ele tinha dito, comecei meu trabalho de controlar suas ações: - Mas então, você registrando essas informações, os bandidos podem ver, e então tirar proveito. Ou seja, você pode estar ajudando eles a sequestrar essas pessoas. Com isso controlei sua mente para fazer com que o mesmo concordasse, mas dissesse que não era esta sua intenção, com isso ele disse: - Nossa verdade, mas não é essa a minha intenção, me desculpe. Aí respondi com um sorriso em meu rosto: - Ok, mas por favor, não faça mais isso, pois como disse, os bandidos podem estar usando você para fazer mal a eles. Peço então que vá embora e não fale sobre isso para ninguém. Na verdade, quero que fale uma coisa. Fale para todos os paparazzi que você ver, que os atores que estavam aqui foram para Konoha para terminar o filme lá. Com isso controlei sua mente, para aceitar e fazer o que eu disse. - Ok, eu te entendo, e vou fazer isso sim, pelo menos vou conseguir ajudar a enganar esses bandidos. Até mais. Com isso o paparazzi foi embora, e então fez com que os outros paparazzi fossem embora também, ou seja, missão concluída, e jutsu aprendido.


Com a missão provavelmente concluída, enquanto os atores estavam ali atuando, eu me sentei no solo do local e em posição da flor de lótus, e então meditei, Com meus olhos fechados, mão direita sobre minha perna direita, mão esquerda sobre minha perna esquerda, inspirei pelo nariz, e em seguida expirei pela boca. Fazia este processo cerca de quinze a vinte vezes, não me lembro ao certo, mas quando isso terminava e eu já sentia meu corpo e mente relaxados, eu logo liberei meu Chakra ao redor do meu corpo, apenas dez de Chakra, e então fiz este Chakra se mover e ficar concentrado em minha mão direita. Aí resolvi passar este Chakra de uma parte do meu corpo para outro, e como eu já tenho experiencia, sei que para fazer isso eu preciso ir movendo por partes do corpo que estejam do lado da onde o Chakra está, e sendo assim eu fiz; passei meu Chakra que agora está na minha mão direita para meu antebraço direito, e em seguida eu passei este mesmo Chakra do meu antebraço direito para meu braço direito, e já em seguida eu passei este Chakra para meu pescoço, e em seguida passei para meu braço esquerdo, e em seguida para meu antebraço esquerdo, e para finalizar, passei este Chakra para minha mão esquerda. Gastei cerca de três segundos no máximo, pois eu já tenho experiência em fazer isso.


Aí agora eu faço o mesmo processo, porém passo o Chakra desta mão para minha perna esquerda, e assim eu faço. Passo o Chakra da mão esquerda para meu antebraço esquerdo, e em seguida para meu braço esquerdo, e já em seguida para meu pescoço, e para finalizar eu sigo este mesmo processo e passo para minha barriga e desço até chegar na perna, logo, percebo que meu controle de Chakra, e controle mental estão perfeitos, e por isso meu treino já está finalizado, assim como o aprendido do Jutsu, que até usei nesta missão, e por falar em missão, nenhum outro paparazzi apareceu aqui, e os atores já estão indo embora, ou seja, missão concluída, porém, para confirmar, vou até o diretor da empresa e entrego o pergaminho da missão à ele e digo: - Senhor, quando minha missão terminar, assine ai embaixo me liberando, por favor. - Sim sim, claro, faço agora. Dito isso o diretor assinou me liberando, me entregou o pergaminho e me liberou, agradecendo pelo serviço. Ai eu peguei uma caneta que tinha ali no local, e então fiz o relatório da missão ali no pergaminho, logo abaixo da assinatura do diretor, e em seguida saí, seguindo em direção ao Posto de Atribuição de Missões.


Considerações:
- Treino de Genjutsu, Controle de Chakra, Constituição Mental e Jutsu.



Missão sendo feita:
 





Sena:
HP: 200/200
CH: 40/600
ST: 200/200
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ace Uchihaavatar
Exibir perfil



Comportamento Exemplar Avaliações/Atualizações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Genjutsu Konoha | Genin
Mensagens : 1631
Data de inscrição : 10/06/2016
Idade : 23

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
760/1050  (760/1050)
Reputação Reputação: +1
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   23/2/2017, 19:17

Aprovado
+25 exp (já adicionado)
+ 1 Genjutsu
+ 1 C.Mental e C.Chakra
+ Jutsu aprendido
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kon Reevesavatar
Exibir perfil



Alcunha Tubarão Sereno
Narrações mais Envolventes Narrações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Kenjutsu Ame | Nukenin | C
Mensagens : 1021
Data de inscrição : 20/10/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
400/950  (400/950)
Reputação Reputação: -24 - Delinquente
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   19/3/2017, 17:55


戦った場合、
勝つために戦います
Kon Reeves


Eu precisava de um lugar tranquilo, e que ninguém pudesse me notar, mesmo que eu fizesse bastante barulho. Descendo por alguns morros assim que entrei a floresta, eu ouvia um riacho mais a frente. Decidi ir até ele para beber um pouco de água, e também encontrar o lugar ideal para começar o treinamento com a Hiramekarei. Era um lugar incrível, e faziam meus olhos brilharem. Mei então decidia sair um pouco de meu ombro, e procurar algo para fazer, logo era a hora exata para começar...

Treinamento de jutsu, constituição mental e resistência




Assim que a água entrou em meu estomago, era como se eu tivesse recuperado novamente minhas forças, mesmo eu nem estando cansado, apenas era uma sensação boa de se sentir. Eu estava preparado para começar, então retirei de minhas costas a grande espada que me foi concebida, para proteger o nome de nossa família. Para mim, depois de tanto esforço em busca de aperfeiçoar a minha força, ela estaria se torando um tanto leve, deixando meus movimentos com ela satisfatórios. Porém eu nunca havia treinado com uma espada grande ainda, sempre com minhas Katanas leves e simples. Mas não era por isso que eu estaria com um pouco de dificuldades ao manusear a Hiramekarei, e sim por ela ser uma espada complexa e cheia de segredos.

Abri então o pergaminho que nele continha a técnica especial para tal espada grandiosa. E certamente ela me traria muito benefícios futuramente, já que apenas aquela técnica, eu me tornaria um tanto poderoso. Tive que re-ler até duas vezes a mais para entender exatamente oque precisava ser feito, e nisto eu o guardaria novamente em minha pochete, já que eu pretendia devolve-lo em troca de outros. Chegou a hora então de começar a realizar o treinamento, e assim que pude concentrar meu chakra em meu corpo, a poderosa espada já começaria a suga-lo em um fluxo considerável, coisa que eu não estaria acostumado ainda, mas que em breve eu deveria aprender. Talvez assim que esta técnica fosse treinada com exito, eu entenderia melhor o funcionamento e tudo oque eu poderia fazer com ela.

Alguns segundos segurando-a e o chakra já fluiria por dentro dela, exalando um brilho magnifico e também uma áurea azul clara que talvez representaria meu chakra. Uma vez que ele poderia ser controlado com uma certa dificuldade, ainda assim era algo possível. E antes não fosse, a técnica que eu precisaria aprender ali usaria exatamente isto, a forma com que eu manipularia este chakra e esta espada. Comecei então na tentativa de criar uma imagem em minha cabeça, esta imagem seria o martelo especifico no qual estaria escrito no pergaminho, mas tentei ser breve neste pensamento, por que o foco era criar-lo junto a aquela espada, ou seja, uma espada se tornaria um martelo, onde eu poderia esmagar tudo oque eu quisesse.

O chakra então era sugado rapidamente, e eu poderia senti-lo saindo de meus braços, coisa que achei muito estranho. Mas a este ponto eu já sabia que não poderia considerar aquela espada algo normal, e no que eu pensei sobre isto, ela começaria a trocar de forma. Por alguns segundos fiquei perplexo, mas estaria dando certo, toda vez que eu enviaria mais chakra em meus braços, automaticamente este chakra se lançaria para a espada e a mudando com a forma que estaria em minha mente. Até então estava tudo certo, eu começaria a esbanjar aquele chakra sobre a espada, e em minha mente um único objetivo e imagem. O martelo, o qual eu poderia usa-lo no lugar da Hiramekarei, e esta imagem estaria rapidamente se transformando na minha frente, sendo um pouco mais pesado e certamente muito destrutivo.

Chei a encosta-lo no chão por conta de seu peso, a dor em meu braço aguentou apenas alguns minutos em uma posição desagravável. Tive que segura-lo com as duas mãos para então começar a correr, enfim ele se tornaria pratico de ser usado e eu precisava de um alvo enquanto corria, para esmagar de uma vez e descobrir o poder que nele havia. Hamâ era o nome da técnica cm a Hiramekarei, engraçado por que isto me lembraria pessoas poderosas, ou talvez pudesse ser apenas loucura minha. Correndo então por alguns minutos para acostumar meus braços com aquele peso, a minha frente a alguns metros, uma rocha atrapalharia meu caminho. Chegou a hora de testar este poder, o qual eu estaria disposto a aperfeiçoa-lo e a usufruir de todo ele. Apenas um salto me jogaria ao céu, com objetivo de ganhar força na queda, junto com a velocidade, joguei este martelo com sua cabeça para o alto e em seguida mirrando-a sobre aquela imensa rocha que assim que encostou, estilhaçou-se como vidro.

Pisei novamente ao chão, quase me desequilibrando com o impacto a minha frente, apenas vendo aquela rocha desmoronar como se não fosse nada. A espada logo voltaria ao seu normal, e eu sessaria a conexão sobre ela e meu chakra. Me senti esgotado, talvez por nunca ter feito algo parecido, mas era assim que tinha que ser. A pedra era algo resistente e comparando-a a muitas outras coisas, a técnica com a espada poderia ser ainda mais devastadora... A guardei em minhas costas e segui em direção novamente ao templo, logo sendo seguido por Mei, eu precisava descansar um pouco, e também conhecer melhor as técnicas deste poder que a espada me proporcionava. Graças a Kai e nossa família, meu destino estaria seguindo uma trilha um tanto ariscada, mas ainda assim, tanto sonhada.

Considerações:
-Treinamento por justu, constituição mental e resistência;
-Gasto com técnica sem rank: 450CH e 450ST;
-Gasto continuo pelo uso da Hiramekarei: 100CH;



Status:
 
Pergaminho adquirido e usado:
 
Pergaminhos :
 
Equipamentos:
 
Equipamentos avançados:
 






Ficha Criações

Kon Reeves












7 Espadachins da névoa




Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário conectado
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Shurikenjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5375
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
705/750  (705/750)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   19/3/2017, 19:34

Treinamento Aprovado

+ 25 de Exp;
+1 Constituição Mental;
+1 Resistência;
[+] Jutsu





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kon Reevesavatar
Exibir perfil



Alcunha Tubarão Sereno
Narrações mais Envolventes Narrações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Kenjutsu Ame | Nukenin | C
Mensagens : 1021
Data de inscrição : 20/10/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
400/950  (400/950)
Reputação Reputação: -24 - Delinquente
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   21/3/2017, 18:03


戦った場合、
勝つために戦います
Kon Reeves


Novamente, Mei me guiaria para esta floresta, que era o lugar ideal para meus treinamentos pesados, que causariam destruição se fosse em qualquer lugar, e certamente chamaria atenção. Hoje eu estaria com presa, queria treinar logo, e seguir para o navio, já que me lembrei da chave dourada em minha pochete. Queria saber do que se tratava, então sem perder tempo, já coloquei minha pochete pesada no chão, onde eu encontraria assim que terminasse, e tiraria a Hiramekarei de minhas costas.

Jutsu, velocidade e controle de chakra


Assim que coloquei a Hiramekarei eu sentia ela implorando por chakra, como se ela estivesse com fome. Era algo comigo e com ela, talvez não fosse assim quando em outras mãos. Mas eu exitei por hora, já que antes eu precisava treinar meus golpes, e nisto aprimorar minha velocidade. Antes de tudo retirei o pergaminho de onde eu havia guardado, e assim comecei a ler a técnica nele. Tinha muito haver com oque eu já andavas a treinar com as minhas katanas, um corte mais poderoso e devastador, com a ajuda do chakra. Porém com a Hiramekarei seria algo desumano, atingindo qualquer coisa a muitos metros de distancia, aquele corte que eu preciso aprender hoje, vai ser o mais forte que possuo.

Enfim, guardaria o pergaminho, e começaria então o meu treinamento. Com a hiramekarei em minhas mãos, firmei-as para ter um melhor desempenho e então comecei a cortar o ar rapidamente, primeiro na diagonal, girando meu corpo e realizando outros na vertical. Seu peso já não era algo a considerar, então passei a usar aquilo como uma ajuda enquanto em batalha. Levando em consideração a velocidade que eu ganharia no impulso dos golpes, o peso além disso, me proporcionava uma força ainda maior no corte. Meus movimentos eram rápidos, e eu já estaria pensando na realização daquela técnica, mas primeiro eu precisava me aquecer, e então continuei a cortar o ar por mais algum tempo. Giros rápidos e cortes na diagonal, terminavam com um salto e cm mais um corte na vertical. Sempre tentando manter o mesmo padrão de velocidade por algum tempo, e logo aumentando-a, na medida que meus braços conseguiriam.

Com movimentos tão rápidos, atingindo minha velocidade máxima atual, meu corpo não aguentaria tanto tempo, porém dei o máximo de mim, já que era necessário e por uma boa causa. O tempo todo em que meus movimentos eram realizados, eu estaria a pensar em como eu estaria indo até aqui, e sempre tentando saber oque meus colegas pensavam de mim. Iori que se tornou alguém tão importante, um grande companheiro, será que confiavas em mim, talvez a sua vida? Já que eu sempre confiei a este ponto, em todos. Enfim meu corpo exausto com o aquecimento, me fazia parar em meio a uma abertura, na floresta. Algumas arvores estariam a mais ou menos quatro metros ou menos de mim, e era a hora exata para começar a treinar aquela técnica.

Hiramekarei começou então a sugar meu chakra, e novamente parecia que ela estaria com fome. Apenas deixei a corrente seguir sem exitar, pois para a técnica, a quantidade precisava ser ideal. Sentia em emus braços aquele chakra saindo, e minhas veias se esvaziando, logo enchendo-as de novo com a concentração em meu corpo. Assim que senti ser suficiente para a realização, eu a estendi para meu lado direito com a mãos direita. E notei que ela estaria mais pesada, e sua áurea maior, então eu percebia naquele momento que era exatamente oque deveria acontecer. O chakra já estaria pronto para a realização da técnica, bastava a força ideal e o golpe ideal. Não demorei muito, firmei minhas duas mãos sobre seu cabo, e então em um único movimento veloz, puxei tal espada, fora a fora de meu campo de visão, em um golpe na horizontal, focando aquelas arvores a poucos metros de mim. A espada em si não estaria ao alcance, mas era isso mesmo que deveria ser. A força que tive de fazer foi suficiente para apertar meu olhos, e assim que o golpe era finalizado, pude abri-los, apenas quando comecei a ouvir as arvores cortadas ao meio caírem para os lados. Meus olhos brilhavam, enquanto guardei a Hiramekarei em minhas costas, nem me importando com a respiração aumentada, por conta do gasto em chakra alto, apenas andei lentamente quando enfim toda as arvores cairão. Cheguei próximo o suficiente para ver o corte perfeito que foi realizado, e com a mão, eu senti a madeira completamente lisa, e milimetricamente calculado, como se realmente uma lamina gigante passaria ali a pouco.

Era difícil de acreditar que meu chakra e esta espada agiriam tão bem juntas, foi então que minha confiança cresceu ainda mais. Então eu sabia que eu não precisava das palavras de meus amigos, para saber que eles ariscariam suas vidas por mim, por que eu nunca vou chegar ao ponto de ter que merecer uma ajuda grandiosa dessas. Andei até meus equipamentos e os encaixei em meu corpo novamente, então chamei Mei para irmos embora. Estaria ficando tarde, e ainda eu precisava procurar pelo navio, que não tinha ideia de onde eles tinham deixado. -Vamos Mei, temos que procurar os nossos companheiros... - Rapidamente ela pularia em meu combro novamente, e então seguiríamos para a praia.

Considerações:
-Treinamento de técnica, velocidade e controle de chakra;
-Gastos realizados um rank a menos;
-Técnica treinada: Hiramekarei Kaihō;
-Gasto continuo Hiramekarei: 100CH;
-Gasto com técnica rank A diminuído: 300CH e 300ST;



Status:
 
Jutsu treinado:
 
Arsenal:
 
Equipamentos avançados:
 






Ficha Criações

Kon Reeves












7 Espadachins da névoa




Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário conectado
Hatake Ioriavatar
Exibir perfil



Alcunha Lupino Branco
Narrações mais Rápidas Avaliações/Atualizações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Taijutsu Mestre do Kenjutsu Konoha | Nukenin | C
Mensagens : 1736
Data de inscrição : 15/07/2016
Idade : 23

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
1005/1050  (1005/1050)
Reputação Reputação: -21 - Delinquente
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   21/3/2017, 18:11

Aprovado

+ 50 Pontos de Experiência;
+ 1 Ponto em Velocidade;
+ 1 Ponto em Controle de Chakra;
[+] Jutsu.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário conectado
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Shurikenjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5375
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
705/750  (705/750)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   21/3/2017, 20:04

✞ Treino ✞
Cuidado em quem bre-se que o diabo era um anjo.

~ Dean Winchester




No meio do caminho decidiria vestir meu manto junto com minha mascará, se uma pessoa me reconhecesse em um local daqueles não seria uma boa, já que Kai parecia estar planejando algo “maléfico”. Eu respiraria profundamente, andaria por aquelas florestas que não parecia ter fim, me sentando debaixo de uma arvore me prepararia para realizar um treinamento rápido, um pouco de meditação.
 
Com os meus olhos fechados, ficaria na pose de lótus, iniciando uma meditação para finalizar o mais rápido possível, já que não saberia quando começaria o plano, poderia ser nesse mesmo segundo, mas naquele momento estaria a realizar uma meditação, mesmo se me chamassem pelo rádio não poderia até que a meditação fosse realizada com sucesso, e eu treinasse um pouco de minha parte mental, como também um pouco de minha concentração, que estaria um pouco falha nesses dias de puro trabalho. Estaria flutuando em minha mente, em minha imaginação profunda cheia de ilusões, estaria coçando para tentar matar alguém novamente, mas tentaria me controlar, até porque estaria meditando, mas fazia muito tempo que não teria matado alguém, o ultimo era quando ainda era Gennin, talvez tivesse uma mente de assassino, mas não preocuparia muito com aquela dúvida, não teria o que questionar sabendo daquele resultado. Ficaria ali em torno de quarenta minutos, logo romperia a meditação levantando o meu corpo e partindo para outro treinamento, um Jutsu que tinha comprado em Konoha antes de minha viagem para Kirigakure no Sato.
 
Leria aquele Ninjutsu e guardaria novamente, as palavras ficam presas em minha mente, então logo ficaria a iniciar o treinamento de Controle de Chakra, tentando utilizar aquele Jutsu, que poderia me salvar de várias situações. Minhas costas estariam próximas ao tronco, o meu Chakra vagava pelo meu corpo, os Tenketsus não teriam fim, o Chakra não pararia em só um lugar, e sim ficaria a aquecer por todo o meu corpo, sentia ele, estaria bem agitado do que o costume, talvez seria a falta de um combate, lembrava das palavras daquele homem que gostaria de lutar comigo, talvez a batalha estaria bem mais cedo do que eu me esperava – Kai deve valer muito não? Se eu pega-lo, não terá mais motivos para ser um ninja... Poderei viver livremente longe deste lugar – o meu pensamento era livre, talvez algo que eu poderia fazer errado naquele momento, talvez estaria indo longe demais, mas pensar em minhas conquistas que eu poderia ter ao captura-lo fazia o tempo passar rápido o bastante para sentir o Chakra em volta de meu corpo, talvez isso seria o bastante para defender de Jutsus superior. Ao finalizar o treinamento sentaria encostado no tronco da árvore, me descanso um pouco, mas ainda em guarda, caso alguém se aproximasse.


Considerações
- Treinamento de Controle de Chakra + Constituição Mental;
- Treinamento de Jutsu;
- Descanso


HP: 1200/1200
CK: 5250/5600
ST: 600/600



Armas:
 

Jutsu Passivo:
 

Jutsu Treinado:
 



"Tem gente que tá sempre com o pavio da bomba esticadinho, pronto para uma explosão. Só olho, sinto pena e deixo que outros risquem o fósforo."

~ Lauts do Survival









- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hatake Ioriavatar
Exibir perfil



Alcunha Lupino Branco
Narrações mais Rápidas Avaliações/Atualizações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Taijutsu Mestre do Kenjutsu Konoha | Nukenin | C
Mensagens : 1736
Data de inscrição : 15/07/2016
Idade : 23

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
1005/1050  (1005/1050)
Reputação Reputação: -21 - Delinquente
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   21/3/2017, 20:12

Aprovado

+50 Pontos de Experiência;
+1 Ponto em Controle de Chakra;
+1 Ponto em Constituição Mental;
[+] Jutsu.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário conectado
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Shurikenjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5375
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
705/750  (705/750)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   25/3/2017, 17:13

✞ Treino ✞
Cuidado em quem bre-se que o diabo era um anjo.

~ Dean Winchester




Ao finalizar o treinamento, sairia daquele floresta, procurando um lugar “melhor” para realizar meu treinamento.


HP: 1200/1200
CK: 5800/5800
ST: 600/600



Armas:
 

Jutsu Passivo:
 



"Tem gente que tá sempre com o pavio da bomba esticadinho, pronto para uma explosão. Só olho, sinto pena e deixo que outros risquem o fósforo."

~ Lauts do Survival









- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kon Reevesavatar
Exibir perfil



Alcunha Tubarão Sereno
Narrações mais Envolventes Narrações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Kenjutsu Ame | Nukenin | C
Mensagens : 1021
Data de inscrição : 20/10/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
400/950  (400/950)
Reputação Reputação: -24 - Delinquente
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   25/3/2017, 23:41


戦った場合、
勝つために戦います
Kon Reeves


Mei ainda em meu ombro, novamente ao chegar em meio a floresta, pediria para descer. Talvez ela tinha algo divertido a fazer por ali, mas como antes, ela logo voltaria, então a deixei no chão, enquanto o assunto comigo era um pouco mais sério. Eu precisava treinar e me aperfeiçoar com aquela espada lendária, e agora também pensar no que Kai havia me dito no navio...

Treinamento de jutsu, velocidade e constituição mental

Retirei a grande espada de minhas costas, e meu calos pelos treinamentos ainda latejavam desdo ultimo, porém tenho que me manter firme, apenas mais este treino, e então posso descansar. A lancei de mão em mão, notando que seu peso não me incomodaria mais, e logo a firmaria sobre ambas as mãos novamente. E assim como outros treinos, eu começaria com golpes ao ar, livre e solto. Ainda um tanto lento porém bastante preciso a ponto de sentir o ar assoviar sobre sua lamina, ao ser cortado por aquela grandeza.

O ar úmido da floresta me deixava bem também, apesar de não ser uma umidade como a de Amegakure, era o mais próximo disto. Deixaria meus movimentos práticos e leves, e era oque eu precisava para aumentar minha velocidade e também o desempenho que eu faria, para a melhor eficiência do treinamento. Comecei a girar cortando tudo ao meu redor, e também realizando alguns golpes na diagonal após alguns saltos. Isto exercitaria não apenas meu braços, mas também minha musculação inteira das pernas e costas. Era algo interessante sempre agita-los por completo, já que a busca por uma velocidade maior exigia tal coisa.

Toda vez que eu precisava parar, eu não pararia, buscaria meu limite ainda mais, aumentando a velocidade dos movimentos, procurando saber até onde eu chegaria, e o quanto eu poderia aumentar oque eu me faltava. Já vi a velocidade de Kai em lutas passadas, e mesmo que ele seja superior a mim, não quero precisar depender dele para tudo, eu precisava me virar só, assim como não quero ter qu depender de meu melhor amigo Iori, quero poder protege-lo, sempre que precisar, e demonstrar a minha utilidade em minha família.

Meu movimentos demonstravam o quão talentoso eu estaria sendo, com aquela espada que foi dada a mim, em nome da família dos espadachins da nevoa, um nome que talvez para alguns não tenha significado algum, e para outros apenas o ódio, porém para mim, era tudo oque eu tinha no momento e dali eu estaria iniciando meu novo estilo de vida. Este que me deixaria feliz, e com isso em mente eu poderia me esforçar mais em cada treinamento. E como todos, eu buscaria meu limite, e ainda sem terminar com minhas ações, eu pensaria em algo com a Hiramekarei.

Coloquei meu chakra sobre ela, e senti este sendo sugado como se a lamina estivesse com muita fome. Coloquei uma quantidade ideal, onde eu poderia realizar algo parecido com uma técnica que eu já sabia, só que desta vez, um pouco mais preciso e com uma velocidade maior. Tentei usar aquele chakra colocado sobre as laminas como um impulso, e incrementando a minha velocidade original um ganho perceptível até mesmo para mim. Com minhas duas mãos segurando seu cabo firmemente, lancei-me ao ar e desferi um golpe poderoso na diagonal, usando este chakra para  cortar ao meio um tronco que estaria deitado, e ainda assim parecia algo resistente. Mas eu não importaria, eu precisava ver o alcance que aquela técnica me disponha-ria, era algo improvisado, mas ainda eu teria que faze-la para dar espaço para ela em meu arsenal de técnicas ninjas.

O corte foi tão preciso que vi a terra a minha frente rachar, me fazendo cambalear, assim que finalizei o golpe. O tronco foi partido tão perfeitamente, que jamais alguém poderia dizer que foi obra de uma espada. Assim que me equilibrei, e guardei a espada e minhas costas novamente, me senti orgulhoso, porém com bastante dor em minhas mãos. Era apenas um preço a se pagar pelo ganho de experiencia, e este preço eu não me importaria nunca em paga-lo. Descansei minha respiração por algum tempo, e assim que Mei apareceu, partimos dali, em direção a Kiri novamente.


Status:
 
Considerações:
 
Técnica treinada:
 
Arsenal:
 
Equipamentos avançados:
 






Ficha Criações

Kon Reeves












7 Espadachins da névoa




Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário conectado
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Shurikenjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5375
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
705/750  (705/750)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   26/3/2017, 02:07

Treinamento Aprovado

+50 de Exp;
+1 Ponto em Velocidade;
+1 Ponto em Constituição Mental;
[+] Jutsu





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Senaavatar
Exibir perfil



Kiri | Genin
Mensagens : 225
Data de inscrição : 03/02/2017

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
280/450  (280/450)
Reputação Reputação: +9
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   16/4/2017, 23:53

Chego depois de alguns minutos na Floresta do Silêncio, local onde muitos moradores de Kiri não vão devido aos casos que ali ocorreram a alguns anos atrás, logo, penso que ali deve ser onde o estudante deve estar, aliás, por ninguém andar por ali, ele deve estar perdido por justamente não conhecer, sendo assim eu procuro o garoto, ando todo o local por cerca de trinta minutos, e quando eu finalmente encontro o garoto, noto que realmente ele está perdido, pois ficou até parado perto de uma árvore, sentado ali chorando. Perto dele falo que agora está seguro e que vou leva-lo embora, e com isso me retro do local junto dele.


Considerações:
- Nenhuma.


Missão sendo feita:
 


Equipamentos:
 


Sena:
HP: 200/200
CH: 1000/1000
ST: 200/200
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Shurikenjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5375
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
705/750  (705/750)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   15/5/2017, 23:46

Chama o bombeiro!


Criaria um pedaço de folha, o bastante para causar um pequeno estrago em conjunto com aquelas árvores, então rapidamente o jogaria para cima as fazendo se aproximar de uma árvore que fosse um pouco seca e então utilizaria de outro Jutsu, este queimando meu papel e tentando fazer com que o fogo se espalhasse pelas árvores. Em seguida seguiria para outro local.
 



Kage Bunshin #3
CH: 810/1180
ST: 120/120



Armas:
 

Jutsu Passivo/Ativo:
 

Jutsu's Usado:
 





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nikkiavatar
Exibir perfil



Mestre do Genjutsu Kiri | Genin
Mensagens : 300
Data de inscrição : 20/05/2017
Idade : 27
Localização : Sonho Psicodélico

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
410/750  (410/750)
Reputação Reputação: +15
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   23/5/2017, 02:23

MISSÃO

Nikki se encontrava com o tal de Tofune. Ela se apresentava como a shinobi que ajudaria ele naquela missão. Sem delongas ele explicou o que precisavam fazer, enquanto ambos iam caminhando floresta a dentro. Ao chegarem um determinado ponto, o barulho do rio dava para se ouvir. Era bem silencioso e relaxante. Até mesmo uma louca como Nikki poderia apreciar aquilo.

Acha mesmo que ele está aqui?

A garota perguntava com cara de tédio, e o pescador respondia positivamente com sua empolgação transbordando. Ela então seguia com ele até a margem e e pegou a vara de pescar que ele forneceu.

" Ta de brincadeira que estou fazendo isso... "

Nikki e o pescador ficaram ali por meia hora tentando pescar aquele peixe que nunca surgia. Passava mais uma hora e meia e nada. A garota se irritava e abria o bico.

Mas que bosta. Esse peixe deve ter se afogado...

Tofune olhava meio incrédulo para Nikki, pensava que era brincadeira da garota e ignorava. Eles trocavam de lugar e andavam alguns metros a frente seguindo o curso do rio. Ficaram lá um tempo até que o maldito peixe apareceu. O pescador vibrou, enquanto Nikki olhava com desprezo pro sujeito. Achava-o um imbecil, mas tipinhos assim não faltavam. Ele tentou jogar a rede a pediu ajuda dela, que segurou na corta para puxar para fora da água. Sem sucesso, só veio uma rede vazia e o peixe pulava zombando de ambos.

Vou tritura-lo e joga-lo no fogo! Hihihii!

O olhar torto do pescador foi notado pela garota, que o encarava. Ele voltava sua atenção para o rio e via o peixe saltando em direção a eles. Tofune jogava a rede, e rezava. Entretanto, quase o pegou.

Quase, tio... — Debochava do homem — Jogue a rede mais uma vez, ele vai saltar de novo...

O pescador não sabia o que a garota faria, mas ela parecia ter um plano. Sem delongas, ele esperou e se preparou. A garota apanhava uma kunai e amarrava uma ponta da rede nela. O peixe fazia seu movimento. Nikki notava uma certa deformidade na água, ele estava chegando na superfície e então ele saltava — AGORA TOU-SAN! — Imediatamente ele lançava a rede. Mas como previsto por ela, o peixe conseguia se livrar da rede, porém dessa vez havia um plano. Assim que rede caiu na água e o peixe fazia seu rasante para voltar para a água, Nikki, lançou a kunai por cima dele e a ponta da rede fazia uma especie de grade, que ia envolvendo o peixe e enrolava o mesmo na rede — Puxe agora... — O pescador sem fazer corpo mole, começava a puxar e para a surpresa dele, o peixe estava enrolado como se fosse embrulhado por alguém.

Isso resolve seus problemas, né? Não esquece de mencionar quem pescou esse peixão quando for se gabar do feito. Caso contrário eu irei janta-lo sozinha...

O pescador estava rindo e contente com a pesca feita. No entanto, sua alegria foi tomada por um alerta de Nikki. Ela também queria a gloria e ameaçava caso não tivesse. Ele compreendia e com uns risos de canto e meio acanhado, ele compreendia que os dois deram duro juntos e sem Nikki ele jamais conseguiria passar a perna no peixe raro e ficar famoso em seu meio por conseguir captura-lo.

Certo. Seu peixe está com você. Preciso retornar até a aldeia e dar o relatório da missão bem sucedida. Se for assa-lo, me chame. Adoro comer.

Ela retirava então a kunai da rede, a guardando imediatamente e se virava sem muita esperança de comer realmente o peixe e retornava para Kirigakure, após algumas horas de missão.
Missão:
 

Aquipamentos:
 

HP: 200
CH: 200
ST: 190



HP: 600
CH: 2600
ST: 400
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nikkiavatar
Exibir perfil



Mestre do Genjutsu Kiri | Genin
Mensagens : 300
Data de inscrição : 20/05/2017
Idade : 27
Localização : Sonho Psicodélico

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
410/750  (410/750)
Reputação Reputação: +15
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   24/5/2017, 02:02

MISSÃO

Nikki ia passando pela floresta do silêncio. Já havia andando por algum tempo até chegar por ali. Dia anterior ela havia feito uma missão naquele mesmo local e acreditava que era um lugar perfeito para se esconder, pois era muito quieto e obviamente ninguém iria andar por ali. Como era descaracterizada como shinobi, por ter sua bandana no pescoço, e sua roupa possuía uma gola longa que cobria, seria ainda mais tranquilo.

Ela seguia o fluxo do rio. Ele provavelmente iria estar por ali para beber água ou atravessar para o outro lado. Foi andando andando, até que escutou um espirro e um barulho d´guá. A garota olhou para a direção e foi caminhando e escondendo sua presença. Ela foi se aproximando e finalmente via o homem acabar de realizar o henge para ir fazer qualquer coisa aparentando ser o senhor feudal.

Nikki avançou logo e começou a segui-lo. Ela não era muito rápida, mas conseguia manter um caminhar veloz. O sujeito não havia percebido ainda, mas logo iria notar, pois a garota tropeçava de proposito e caia. Ela abria o berreiro.

BUAAAAA. MEU JOEELHO. NHAAA!!!!

O farsante ouvia e se assustava. Pensava estar sendo perseguido, mas notava ser uma garotinha com problemas. Apesar de delinquente, ele foi até a garota para ajudar. Claro, verificando se teria alguém por ai. Pra não cair em uma armadilha. Ele tentava acalma-la.

Ta duendu. Gruuu.

Ele pedia para ver o joelho e se abaixava. No instante em que se abaixou, a garota empurrou o corpo do farsante com a perna. Ele não esperava por isso e caiu de bunda no chão. Ela imediatamente lançou duas shurikens, que uma foi no ombro e outra no peito. Ela saltava rápido com uma kunai em mãos e perfurava sua perna.

HIUHIHIGIGIAAAGHU!! Peguei um molestador gagaga — Falava e logo em seguida torcia a kunai e pegava outra com a mão e começava a cortar a outra perna e iniciava uma sequencia de cortes não fatais, mas que inutilizava o sujeito. O sangue respingava e sujava a roupa branca da garota que com um sorriso macabro e um olhar fatal, cortava e furava o sujeito, que gritava em pânico — Olha que COR MAIS LIIIIIIIINDA. nhaaa!!

O homem ainda vivo, não estava bem, porém não morreria. Ela pegava suas shurikens e guardava e obrigava o sujeito a se rastejar até a vila e o empurrava sem dó com a perna, fazendo ele cair de cara no chão as vezes. Foi seguindo assim até chegarem na vila.
MISSÃO:
 

Equipamentos:
 

HP: 200
CH: 200
ST: 190



HP: 600
CH: 2600
ST: 400
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nikkiavatar
Exibir perfil



Mestre do Genjutsu Kiri | Genin
Mensagens : 300
Data de inscrição : 20/05/2017
Idade : 27
Localização : Sonho Psicodélico

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
410/750  (410/750)
Reputação Reputação: +15
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   30/5/2017, 17:05

MISSÃO


A missão era bem clara. Andar com duas zumbi para elas se distraírem. A kunoichi não teria que fazer muita coisa. E por já conhecer bem a área fora da aldeia bem, sabia o local perfeito. A Floresta do Silêncio certamente seria agradável até mesmo para ela própria. Era quieto e ninguém incomodava, igual em sua casa. Nikki ia seguindo na frente com as duas logo atrás.

" O que esse povo do hospital tem na cabeça? Depois de amanhã será inverno. Se querem matar essas pirralhas, é só deixarem perto de minha casa. "

Kikihihihi

As garotinhas ouviam a risada estranha e questionavam o que tinha acontecido. A garota pálida, olhava sem muito expressão para as duas e respondia.

Se andarem tão devagar, só vão morrer mais depressa.

" Bem que podiam morrer mesmo logo. Me livrava disso e ia pra casa. "

Mas por algum erro do destino, as palavras da megalomanica, se transformaram em uma frase de motivação e luta pela vida. As menininhas corriam até Nikki e ambas pegavam em suas mãos e começavam a andar de mãos dadas. As pequeninas falavam entre si, sobre o estimulo que a sempai estava dando, que na verdade suas palavras era duras, mas necessárias, porque se elas andassem firmes, teriam um corpo mais forte e saudável e provavelmente teriam mais saúde e imunidade a bactérias e etc.

Nikki se entediava com aquela conversa mole. Suas pupilas saltavam para cima, de encontro com as pálpebras. Era muita viagem para duas pirralhas.

Elas caminharam pela floresta. Passaram pelo rio calmo e quieto. Era bonito e havia peixes nadando. Nikki disse que ficou famosa ao pegar um peixe raro ali em uma de suas primeiras missões. E que não muito longe dali, diziam coisas estranhas de um monstro desconhecido. As meninas ficavam assustadas, mas se divertiam e riam.

Se passou algum tempo de papo e passeio e a gennin retornava para a vila. As garotas não podia ficar muito tempo fora — Vamos retornar. Já ta dando a hora do lanche de vocês. E eu me livrar disso... — Terminava a frase sem elas ouvirem. Sem delongas, rumavam para dentro de Kirigakure.
Spoiler:
 

Spoiler:
 



HP: 600
CH: 2600
ST: 400
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lautsavatar
Exibir perfil



Alcunha Garoto Demônio
Colaborador Maior Contribuição
Mestre do Genjutsu Mestre do Ninjutsu Mestre do Fūinjutsu Mestre do Shurikenjutsu Konoha | Chūnin
Mensagens : 5375
Data de inscrição : 15/04/2016
Idade : 15
Localização : Marte

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
705/750  (705/750)
Reputação Reputação: 13- Neutro
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   16/7/2017, 16:21



"– Até que enfim conseguiremos sair deste lugar, e poderei voltar para os meus treinamentos, sem ninguém mais para encher meu saco que nem esses ninjas de Kiri que estão tentando nos prender..." era o que ficaria a pensar naquele momento, quando de repente o avião começaria a mudar o seu curso, uma de suas asas parecia ter sido atingidas, e então teria que pousa-lo em lugar distante daqueles homens, como também no chão que ainda era aquele País, o meu pensamento era forte, e como também ficava um pouco desanimado ao ver que ainda ficaríamos preso naquele país, que parecia gostar dos Espadachins da Névoa, já que não deixavam eles irem embora.
 
Eu respiraria profundamente, enquanto tinha um leve pensamento que aquele poderia ser o nosso fim, eu firmava minhas mãos naquele avião e então dizia em voz alta – se segurem firme, não teremos uma boa aterrissagem! – uma ordem para que os mesmos pudessem ficar seguros, enquanto eu tentava aterrissar aquele avião de uma maneira não tão trágica. Concentrando o meu Chakra no mesmo, passaria a tentar fazer flutua-lo até uma floresta bem próxima, do alto poderia ver um rio, então tentaria direcionar o avião para o mesmo, próximo a aquele rio, não tão próximo e nem muito longe.
 
Após aterrissar o avião ao solo eu pararia de concentrar o Chakra no mesmo, e então esperaria por mais ordens vindas de nosso capitão, Kai. "– ir até o rio? Isto é uma boa ideia?" me perguntava em minha mente sem questionar em voz alta, mas decidiria confiar nas decisões de nosso líder, mesmo termos perdido uma de nossos membros até ali, então o seguiria até este tal rio que não permaneceria muito longe. Alguns segundos depois chegaríamos até o rio, no mesmo eu entraria ali e então logo me aprontava para criar um novo avião utilizando de meu Chakra – esperem por alguns segundos... – dizia enquanto os papeis saiam de meu corpo, eles ficariam a ser formulados para criar um novo avião, o mesmo que eu teria criado na fronteira, então deixaria daquele tempo para que Kon e Kai pensasse em algo melhor naquele momento, enquanto eu estaria naquele processo de criar um transporte para que a gente saísse dali o mais rápido possível.
 
(...Segundos depois)
 
O avião era criado, com as mesmas dimensões do anterior, este criaria uma pequena porta que levaria para dentro do avião, e então eu dizia – joguem os corpos, e sejam rápido... – o transporte estaria baixo, apenas naquele momento esperando com que eles começassem a agir. E quando estivessem prontos rapidamente eu começaria a movimentar o mesmo em direção ao céu, o fazendo flutuar para cima tentaria manter uma boa distância do chão, no mínimo uns 230 metros ou algo parecido, para que não fossemos rastreados, já que eu não sabia do potencial dos novos homens que estariam a nos seguir, pelo que parecia, eles não pareciam ser ninjas ou Anbus.
 
Ao estarmos em uma boa altura, eu olharia para Kai e então dizia – devemos ir? – dependendo de sua resposta faria com que o avião saísse daquele país o quanto mais rápido possível.


HP: 1200/1200
CH: 1800/6000
ST: 544/600



Considerações:
 

Armas:
 

Jutsu Passivo/Ativo/Usados:
 





- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kaiavatar
Exibir perfil



Alcunha Demônio da Névoa
Mestre do Senjutsu Mestre do Ninjutsu Kiri | Nukenin | B
Mensagens : 1134
Data de inscrição : 04/01/2016
Idade : 20

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
160/1200  (160/1200)
Reputação Reputação: -36 - Delinquente
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   16/7/2017, 20:30

 


Decolar

O conjunto de ações vinculadas dos espadachins permitiram que o plano de fuga ocorresse como o planejado, no entanto o que não poderiam imaginar era que Mei os esperava fora da névoa. Quando os tiros de canhões vieram, Kai não teve outra escolha a não ser se agarrar firme na estrutura do avião de papel. -... Merda! - HUUULF! Um dos tiros perfurou a asa do aeroplano fazendo-os perder altitude gradativamente, no segundo felizmente a sorte os salvara de um impacto certeiro.

Kai averiguou de relance os corpos que se depositavam no transporte aéreo de Lauts, pareciam todos bem por ora, mas a situação estava só para piorar. Seu falcão seguia para um rumo diferente da queda do avião, a corrente de ar vinda do mar os levava território adentro do País da Água deixando-os ainda mais distante de seus objetivos. "Tsk... Quando penso que a sorte está com a gente, ela vem e me dá um tapa na cara." Lamentou-se enquanto agarrava-se junto aos demais na aterrizagem forçada que o Kurama estava para fazer.

Conforme desciam as copas das árvores eram escalpeladas pelo corpo do avião, Kai sentia o tremor de cada fibra de papel se chocar contra sua pele naquela manobra arriscada de pouso, se não fosse pela direção de Lauts já estariam esmiuçados contra a densa parede florestal de Kirigakure. - !!! - A adrenalina alta permitiu que o Uzumaki usasse uma fração do restante de suas forças para impedir que os corpos de Iori e Shion fossem arremessados para fora do avião.  Quando finalmente aterrizaram no estreito azul da floresta Kai se deu conta de aquele fora o dia mais intenso que já teve em sua vida.

- Estão todos bem!? - Indagou fitando-os por inteiro. Parecia preocupado com o estado de saúde dos que restaram vivos da luta pela sobrevivência com a marinha. Ofegante apoiou-se sobre seus próprios joelhos para recuperar o fôlego perdido na descida conturbada, ele devia agradecimentos a Lauts por não tornar a queda ainda mais mortal, então assim o fez. - Bom trabalho, Lauts... - Ergueu seu polegar para o garoto enquanto as franjas cobriam-lhe o semblante cansado, era o seu jeito simplório de agradecer por tudo aquilo que o Kurama fizera até agora pelo grupo.

- Temos de sair daqui. - Cogitou após recuperar o fôlego.

Embora estivesse extenuado pelo combate Kai sabia que aquela toda confusão ainda não havia acabado, logo as forças de Kiri estariam ali para capturá-los e ser pego naquelas circunstâncias seria o pior dos males. Foi aí que naquele momento o garoto fitou as faces de seus companheiros e percebeu como pareciam dependentes de suas decisões. "Eles estão confiaram em mim até agora, até deram sua vida pelo grupo. Não posso me dar o luxo de falhar com eles, tenho que pensar em algo para sairmos daqui" Kai visualizou tudo o que estava no seu alcance, a mata, o fluxo do rio, o avião destruído, as copas das árvores quebradas... Todos aquelas imagens correlacionavam-se em sua mente esboçando as evidências da aterrizagem forçada que fizeram. Lentamente as imagens formariam um mapa mental em sua cabeça simulando o que aconteceria assim que os Oinins os alcançassem, e se havia uma forma de fugir sem deixar rastros. Ele então analisava o local por inteiro, lembrando que já estivera ali antes em algum momento de sua vida de genin, conhecia o local e sabia que o subindo o rio chegariam ao Desfiladeiro Yosuga, onde poderiam pegar um barco até a praia do País da Água, no entanto aquela era a rota mais óbvia e menos segura. Havia pescadores que poderiam entregar-lhes facilmente as autoridades e isso apenas aumentaria a chance de serem pegos. Kai descartou a ideia, ao mesmo tempo que vagamente tomava espaço em sua mente.

- Humn... É isso! - Estalando os dedos como se estivesse finalizado uma cartela de bingo, Kai voltou-se novamente ao grupo com a resposta. Então encaminhou-se até o corpo de Shion e dela retirou as orelhas postiças de coelho para envolve-las na cabeça da raposa de estimação da Yuki. Seu coelho não ficou de fora, Kai o presenteara com uma de suas kunais magnetizadas na mesma hora por um jutsu de rastreio. - Sinto muito por não poder cuidar de vocês, mas aqui vocês ficarão livres e poderão se sustentar. Agora vão! - Dando um leve tapa no traseiro dos dois animais esperou que debandassem para a floresta com os pertences que lhes dera. Isso cobriria o rastro dos seus cheiros e ajudaria a dispersar o chakra de Kai pelo ambiente. Finalmente poderia se comunicar com o restante do grupo. - Vamos todos até o rio, tenho uma ideia. E Kon me ajude aqui com Iori. - Com todo cuidado que podia ter apanhou um dos lados do corpo do Hatake visando deixá-lo de barriga pra cima com a colaboração de Reeves, apoiaria a cabeça do genin com uma das mãos e a outra destinaria às costas do rapaz para que ficasse em posição de leito. - Lauts, preciso que faça mais um de seus aviões de papel, iremos sair daqui com ele. - Recebendo a confirmação de Lauts, Kai podia dar sequência ao plano e embarcar um corpo atrás de outro, incluindo o de Satoru, no aeroplano flutuante do Kurama. Mais uma vez o trabalho de equipe se destacara entre os intitulados espadachins da névoa, agir em grupo nessas horas somente agilizaria o processo de fuga.

Finalmente podia recolher o que sobrara do avião decaído nas margens do rio, não era preciso muita força para arrastá-lo à bordo do outro recém feito pelo garoto demônio, já que era apenas uma pilha papel embolado. Uma vez que estivessem todos acima do novo aeroplano, Kai daria a partida para Lauts indicando-lhe a rota mais segura para a viagem. O que restara do avião anterior seria usado pelo Uzumaki de capa abaixo do avião novo, em base de um jutsu acadêmico poderia transformar aquele resquício enorme de papel num manto de camuflagem para o céu que viajavam. Visto do chão seriam apenas mais uma nuvem em meio as outras que cobriam o país, isso, aliado à grande altitude que voavam, lhes dariam a cobertura necessária para atravessarem a fronteira sem serem detectados. - Nessa altitude eles não poderão nos sentir, mas também não poderemos sentir eles. Apenas leve-o nesta direção e quando ver meu falcão siga-o. - A ideia era fazer parecer que zarparam para o rio Yosuga quando na verdade saíram de lá do mesmo jeito que chegaram.

De fato, Kai nunca encontraria um animal tão útil quanto seu Lampião, nome dado ao seu falcão em uma referência bem apropriada para aqueles que se perdiam no escuro. A ave do Uzumaki não era apenas treinada para caça, mas também um recurso valioso de orientação espacial para qualquer um que estivesse perdido. Em breve poderiam alcançá-lo, a única preocupação que Kai tinha era se chegariam a tempo em algum hospital para recuperarem seus amigos.



Kai:
HP: 750/1000
CH: 620/4400
ST: 1060/1200


Eduarda:
HP: ???
CH: ???
ST: ???

Lampião:
HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 200/200

Considerações:
 

Jutsus usados:
 

Itens - Kai:
 


Ficha | Criações | Casa




- 7 Espadachins da Névoa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kon Reevesavatar
Exibir perfil



Alcunha Tubarão Sereno
Narrações mais Envolventes Narrações mais Rápidas
Mestre do Ninjutsu Mestre do Kenjutsu Ame | Nukenin | C
Mensagens : 1021
Data de inscrição : 20/10/2016

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
400/950  (400/950)
Reputação Reputação: -24 - Delinquente
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   16/7/2017, 22:55

Kon Reeves

戦った場合、
勝つために戦います
Kon Reeves



Aqueles que antes estariam em uma grande desvantagem, e a beira do precipício, enfim encontraram um método eficaz para sair da situação em que se encontravam. Nada fácil por sinal, mas com a liderança do grande demônio da nevoa e seus planos calculados, buscando a perfeição em seus atos, não demoraria nada para que enfim desse certo a fuga daquele grupo. Com técnicas raramente conhecidas no mundo shinobi, todos os espadachins que estavam em batalha a poucos minutos atras, agora sobrevoavam para longe de tudo, e só então quando parecia tudo estar encaminhado, eis que o avião em que se encontravam começava a cair, ao ser atingido por mais ataques diretos do navio onde se encontrava a Mizukage daquele país. Porém com um controle perfeito de chakra, o grande avião guiado por Lauts, descia calmamente na medida que o mesmo o controlava, e não causaria problema algum para deixar todos seguros.

Kon Reeves que se encontrava também acima do mesmo, seguraria firmemente o corpo de suas duas grande amigas, apenas esperando tudo dar certo, até enfim, o avião parava ao solo, e mesmo com o leve impacto, não tiveram problemas na aterrissagem. O jovem então levantava-se e arrastava logo Shion e Eduarda calmamente para próximo dos outros, se mantendo calado o tempo todo, apenas aguardando ordens, pois sabia que ainda se encontravam em terras inimigas, e que o quanto antes deveriam sair dali. Já notando que seu líder estava mais ciente que ele naquela situação, deixava o mesmo tomar as iniciativas de um novo plano para imediatamente saírem de lá, assim ajudando o mesmo a recolher os feridos e coloca-los sobre o novo avião criado por Lauts, também ajudando com o mesmo cuidado, a levantar Iori, tentando deixar de maneira segura seu corpo ereto, e colocando-o aonde Kai decidia.

Assim que recolhia os destroços do avião anterior que havia caído, a fim de ajudar Kai a esconder os rastros, ambos então adentravam ao novo aeroplano, que logo partiria rumo na direção que Kai pedia. Ainda quieto, bocejava aos poucos, alguma coisa provavelmente estaria o deixando com sono. Mas lutando para não dormir, ainda podia ajudar seu líder a mascarar o grande avião com a técnica básica que conhecia, usando seu chakra e distribuindo sobre a mesma capa que Kai usava para mascara-lo, alimentando-o para que o jutsu pudesse ser mais eficiente... Equilibrando-se enfim, aguardava e esperava sair logo daquele lugar que agora estava muito perigoso para sua família.

Considerações:
-Movimentos feitos com base em tentativas;
-Movimentos feitos a toda minha velocidade;
-Movimentos feitos em um tempo de ação planejado com meus companheiros;
-Descontos um rank a menos, com base na regra de controle de chakra;
-Descontos: 10 CH Kakuremino no Jutsu, 30 ST levantar e carregar corpos;



Status:
 
Jutsus usados:
 
Arsenal:
 






Ficha Criações

Kon Reeves












7 Espadachins da névoa




Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário conectado
Mizon Massacreavatar
Exibir perfil



Mestre do Taijutsu Mestre do Senjutsu Kumo | Genin
Mensagens : 485
Data de inscrição : 17/07/2016
Idade : 18
Localização : In the Desire

Ficha do personagem
Experiência Experiência:
415/850  (415/850)
Reputação Reputação: +1
MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   17/7/2017, 23:41

Narração.

Como um cometa de papel, o avião de Lauts vinha dos céus causando um barulho forte e espalhando-o pela floresta fazendo vários corvos voarem de dentro das árvores saindo das folhas, denunciando para vários Anbu ao longe onde havia sido a queda, os movimentos dos Anbus eram rápidos mas a distância era vasta e mesmo com todo o avanço talvez não fosse possível acompanhar os espadas.

Longe dali, Kai libertara as crias de sua finada aliada Shion, dando a eles alguns itens que o permitira espalhar seu chakra pela densa floresta, evitando que os ninjas pudessem rastrear-te através de seu chakra. Lauts já preparava outro avião do mesmo tamanho enquanto seus companheiros planejavam em grupo uma camuflagem para o mesmo utilizando de um jutsu básico para isto, plano que fora executado com calma dando algum tempo para os inimigos.

As escoltas de Kiri rodeavam o lugar onde os espadas estavam, fechando-os num círculo de modo que seria impossível sair por terra enviando ninjas do chigiri, da vila e até mesmo a frota que antes estes estavam lutando para manterem suas próprias vidas, aparentemente toda a vila estava mobilizada em caçar os espadas naquele momento, mas um som do avião de papel cortando o vento ecoou entre eles porém sem ter visão do mesmo todos os ninjas viraram-se aos céus lançando armas de diversos portes simultaneamente, algumas fuuma shuriken passavam logo ao lado do avião arrancando parte do pano que o cobria e abrindo um pouco sua lateral, e com isto atingindo rapidamente um de seus tripulantes, mais especificadamente Kon. Embora devido ao material do avião o vento passando por dentro da brecha feita não o prejudicava tanto, apenas dificultava um pouco a direção de Lauts naquele momento; pelo pequeno rasgo feito era possível ver outras armas passando perto do avião até que este tomasse uma boa altitude.

Já em pleno ar, o avião era perdido de vista, seria necessário que o grupo parasse uma ora ou outra já que o vento que entrava pelo rasgo dificultava a respiração dos tripulantes conforme a altitude aumentava e o vácuo ali acumulava-se chegando a poder ser sentido nos cansados músculos dos espadas como uma pressão forte sobre seus corpos.

Considerações;

- Vocês poderão voar por 5 posts, além disso, será perdido 300 HP por post para todos os tripulantes(não-mortos) :V
- O dano implicaria a morte da Eduarda.
- Como Eduarda seria o NPC do barco, vamos considera-la um "mascote" do kai a partir de agora sendo que este deve narra-la em seus posts de movimentação, lembrando que nem todas as ações dela serão consideradas fielmente nos casos de narração.
- Para explicar melhor o movimento dos Anbu, muitas armas foram lançadas ao ar e apenas uma conseguiu atingir o avião devido a camuflagem, não foram muitos as que lançaram as armas apenas alguns que seriam especializados na área e considerando que a quantidade era numerosa, ao menos uma atingiria-os antes que pegassem uma altitude que deixasse impossível acerta-los, também considerando que as fuuma teriam mais velocidade que o avião.
- Como o provável fim se aproxima, calcularei o xp dado a cada um caso consigam fugir com sucesso do país da água ou cheguem em um lugar seguro, dando fim a narração.
- Kon foi ferido pela ponta da lâmina da shuriken nas costas, considerando que esta teria atingido o avião bem no lugar onde ele estaria - não foi colocado a exata posição de ninguém no avião e alguém seria atingido então sorteei e o Kon foi o vencedor se é que se pode chamar de vencedor... - O dano aplicado será de 200 de HP, mais o dano por post que será de 25, o dano fora causado nas costas perto do ombro abrindo um rasgo em sua pele mas não danificando-o gravemente. Caso o sangramento seja estancado, o dano por post pode ser desconsiderado, mas Kon teria -5 de força no braço esquerdo que está mais próximo do ferimento.
- Contúdo, vocês conseguiram sair do lócal e estão voando na direção que indicarem então boa sorte.
- Sem status dos ninjas novamente, por que seriam muitos e vocês já saíram do tópico então não há necessidade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado
Exibir perfil



MensagemAssunto: Re: Floresta do Silêncio   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Floresta do Silêncio
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 4 de 4Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4
 Tópicos similares
-
» Avaliem campo de treinamento na floresta(tile Inq)
» Caern de Cura Nível 5 - Floresta da Tijuca - Totem: Unicórnio
» [Independente] Floresta Demoníaca
» Trilha da Floresta
» Floresta Imortal

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Survival 4.0 :: País da Água :: Território do País da Água :: Arredores-
Ir para: